Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/104112
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorROMERO, A. G. F.por
dc.contributor.authorSIQUEIRA, J. O.por
dc.date.accessioned2011-04-09T12:06:34Z-
dc.date.available2011-04-09T12:06:34Z-
dc.date.created1997-01-10por
dc.date.issued1996por
dc.identifier.other19313por
dc.identifier.urihttp://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/104112por
dc.descriptionOs flavonoides vegetais, alem de atuarem em diversos processos do crescimento e desenvolvimento das plantas, soa bastante ativos na relacao planta-microrganismos. Na simbiose rizobio-leguminosas, por exemplo, eles atuam como sinais moleculares ativando a transcricao de genes essenciais na interacao bacteria-planta. Apesar da acao estimulante de alguns flavonoides, seus feitos sobre os fungos micorrizicos sao ainda pouco conhecidos. No presente trabalho, conduzido na Universidade Federal de Lavras-UFLA-, avaliaram-se os efeitos de sete flavonoides vegetais sinteticos sobre a germinacao e crescimento micelial do fungo micorrizico arbuscular Gigaspora gigantea in vitro. Os flavonoides foram testados em concentracoes de 1, 2, 4 e 8 uM em meio agar-agua 1%. Todos os flavonoides estudados mostraram-se ativos em pelo menos um dos parametros avaliados. A germinacao dos esporos foi estimulada pela formononetina e hesperetina a 2 uM e inibida pela primeira em concentracao de 8 uM. O numero de tubos germinativos foi reduzido pela biochanina A, quercetina e naringenina nas concentracoes mais baixas. O crescimento micelial foi estimulado pela apigenina e hesperetina a 1 uM e inibido pela biochanina A, enquanto a ramificacao do tubo germinativo foi favorecida pela naringenina e formononetina a 2 uM e inibida pela morina a 2 uM. Conclui-se que os flavonoides exercem efeitos diferenciados sobre G. gigantea.por
dc.description.uribitstream/AI-SEDE/19313/1/pab96_08_jul.pdfpor
dc.languagept_BRpor
dc.language.isoporpor
dc.publisherPesquisa Agropecuaria Brasileira, Brasilia, v.31, n.7, p.517-522, jul. 1996.por
dc.relation.ispartofÁrea de Informação da Sede - Artigo em periódico indexado (ALICE)por
dc.rightsopenAccesspor
dc.subjectFungos do solopor
dc.subjectMetabolitos vegetaispor
dc.subjectRelacao planta-microrganismospor
dc.subjectMicorrizaspor
dc.subjectSinais molecularespor
dc.subjectPlant metabolitespor
dc.subjectPlant-microorganisms relationshipspor
dc.subjectMolecular signals.por
dc.titleAtividade de flavonoides sobre esporos do fungo micorrizico Giaspora gigantea in vitro.por
dc.typeArtigo em periódico indexado (ALICE)por
dc.date.updated2011-04-10T11:11:11Zpor
dc.subject.nalthesaurusmycorrhizaepor
dc.subject.nalthesaurussoil fungi.por
dc.ainfo.id104112por
dc.ainfo.lastupdate2004-10-01por
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (AI-SEDE) / Embrapa Informação Tecnológica (SCT)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
pab9608jul.pdf614,25 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace