Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/134438
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Semiárido - Tese/dissertação (ALICE)
Data do documento: 30-Nov-2001
Tipo do Material: Tese/dissertação (ALICE)
Autoria: SILVA, P. C. G. da
Informaçães Adicionais: PEDRO CARLOS GAMA DA SILVA, CPATSA.
Título: Articulacão dos interesses públicos e privados no pólo Petrolina-PE/Juazeiro-BA: em busca de espaço no mercado globalizado de frutas frescas.
Fonte/Imprenta: 2001.
Páginas: 245 f.
Idioma: pt_BR
Notas: Tese (Doutorado em Economia aplicada) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Economia, Campinas.
Palavras-chave: Globalização
Complexo frutícola
Organizações de interesses
Desenvolvimento regional
Sistema agroalimentar
Frutas frescas
Polo Petrolina-Juazeiro
Agricultura irrigada
Fruticultura irrigada
Vale do São Francisco
Agro-food systems
Exportation
Regional development.
Conteúdo: O trabalho analisa as formas de articulação dos interesses privados e do setor público que foram e são determinantes para o impulso da fruticultura do plo Petrolina-PE/Juazeiro-BA. Demonstra-se que três dinâmicas distintas concorreram para reestruturação produtiva e recomposição da base econômica e social da região objeto de estudo: a) as transformações decorrentes do processo de globalização da economia no âmbito da agricultura e da alimentação, com a emergência das cadeias internacionais de suprimento de produtos frescos de alta qualidade; b) os investimentos públicos e privados na irrigação, impulsionando o desenvolvimento local e regional, e c) a organização de uma representação de interesses privados capaz de interagir com o Estado, ocupar espaços estrategicos nos campos político e negociais, e assumir a coordenação e o monopolio da representação do setor, perante os poderes públicos constituídos. Constata-se que a estratégia de governança setorial foi predominantemente voltada para exportação, envolvendo um número reduzido de grandes produtores e empresários. A ausencia de uma estrategia para potencializar o mercado interno, incorporar outras categorias de produtores e ampliar o âmbito da concertação dos interesses, dificulta o "reconhecimento público" da principal entidade de representação dos interesses dos fruticultores - a Valexport - no próprio segmento produtivo do polo. As novas mudanças que envolvem, atualmente, o sistema agroalimentar, decorrentes, em grande parte, da abertura da economia brasileira após 1990, ja repercutem diretamente sobre os interesses constituídos, podendo resultar no desarranjo ou no surgimento de novos esquemas de governança setorial. Propõe-se medidas de indução externa do Estado para promover os realinhamentos das tendências atualmente em curso nas cadeias de abastecimento de alimentos de qualidade e para o fortalecimento da estrutura de governança setorial local.
Thesagro: Economia
Fruta tropical
Desenvolvimento rural integrado
Desenvolvimento agrícola
Irrigação
Comercialização
Exportação.
Ano de Publicação: 2001
Aparece nas coleções:Tese/dissertação (CPATSA)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
OPB700.pdf966,09 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace