Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1000125
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Acre - Resumo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 14-Nov-2014
Tipo do Material: Resumo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: BATISTA, K. D.
SILVA, L. M. da
WADT, L. H. de O.
Informaçães Adicionais: KARINE DIAS BATISTA, CPAF-RR; LUCIELIO MANOEL DA SILVA, CPAF-AC; LUCIA HELENA DE OLIVEIRA WADT, CPAF-AC.
Título: Correlações entre a produção de frutos e os teores de nutrientes em castanha-do-brasil.
Edição: 2014
Fonte/Imprenta: In: FERTBIO: REUNIÃO BRASILEIRA DE FERTILIDADE DO SOLO E NUTRIÇÃO DE PLANTAS, 31.; REUNIÃO BRASILEIRA SOBRE MICORRIZAS, 15.; SIMPÓSIO BRASILEIRO DE MICROBIOLOGIA DO SOLO, 13.; REUNIÃO BRASILEIRA DE BIOLOGIA DO SOLO, 10., 2014, Araxá. Anais...: fertilidade e biologia do solo: integração e tecnologias para todos. Araxá: Núcleo Regional Leste da Sociedade Brasileira de Ciência do Solo (NRL-SBCS), 2014.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Nutrição de plantas
Projeto Kamukaia
Castanha-do-brasil.
Conteúdo: A castanheira-do-brasil, Bertholletia excelsa, espécie florestal nativa da Amazônia, apresenta expressiva importância socioeconômica para as populações que vivem na floresta amazônica ou ao redor desta e que dependem da coleta da castanha para complementação da renda familiar. Praticamente toda a produção de castanha-do-brasil é extrativista. Entretanto, o aumento da demanda por essa amêndoa e considerando que muitos castanhais nativos já foram dizimados, a introdução de plantios comerciais da espécie é justificada. Conhecer as relações entre os teores foliares dos nutrientes e a produção de castanha nativa torna-se importante nas tomadas de decisão para condução de plantios comerciais bem como nos estudos sobre a nutrição de castanheira-do-brasil cultivada. Assim, o objetivo do presente trabalho foi verificar a existência de correlação entre a produção de frutos de castanha-do-brasil e os teores de macro e micronutrientes das folhas, do ouriço e da casca da amêndoa, bem como de correlação entre os mesmos nutrientes das folhas, do ouriço e da casca da amêndoa. Para tanto, em 2010, foi quantificada a produção de frutos, pela contagem dos ouriços caídos debaixo da copa de 11 castanheiras nativas do município de Epitaciolândia, no estado do Acre. Em cada árvore coletou-se amostras de folhas e de frutos, separando-se a casca do fruto e a casca da amêndoa para a quantificação da concentração de nitrogênio, fósforo, potássio, cálcio, magnésio, cobre, ferro, manganês e zinco. Realizou-se a correlação de Pearson a 5% de probabilidade entre a produção de frutos e os teores de cada nutriente analisado nos frutos, nas cascas e nas folhas, bem como entre os teores dos nutrientes dos três órgãos analisados. Entre os nutrientes analisados nos diferentes órgãos e a produção de ouriço observou-se correlação apenas entre o Cu no ouriço e a produção (R2 = 0,85 e p = 0,00095). Essa alta correlação é um indicativo de que estudos sobre adubação de produção da castanha-do-brasil devem dar atenção especial às quantidades de Cu fornecidas às árvores. Correlações positivas também foram observadas entre os teores de Mg (R2 = 0,62 e p = 0,040) e de P (R2 = 0,67 e p = 0,025) da folha e da casca. As correlações apresentadas para os teores de nutrientes entre a folha e a casca da amêndoa pode ser um indicativo de relações de fonte (folha) e dreno (casca) entre esses órgãos tanto para o Mg quanto para o P. As correlações apresentadas entre os nutrientes foliares torna-se importante nos estudos de nutrição da castanheira uma vez que são escassos trabalhos científicos com essas informações para a espécie estudada. Entender as correlações entre os nutrientes na planta e a produção de frutos fornece subsídios para estudos mais aprofundados sobre a nutrição da castanheira-do-brasil, seja nativa ou não a fim de se avançar no conhecimento sobre as exigências nutricionais e sobre o status nutricional da espécie.
Thesagro: Bertholletia Excelsa.
Ano de Publicação: 2014
ISBN: 978-85-86504-11-2
Aparece nas coleções:Resumo em anais de congresso (CPAF-AC)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
25278.pdf245,26 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace