Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1000679
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Acre - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2014
Type of Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Authors: ARAUJO, H. J. B. de
CORREIA, M. F.
Additional Information: HENRIQUE JOSE BORGES DE ARAUJO, CPAF-AC; MANOEL FREIRE CORREIA, CPAF-AC.
Title: Taxa de sobrevivência e causas aparentes da debilidade das mudas em plantios de enriquecimento de florestas de produção no Acre.
Publisher: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA PARA O PROGRESSO DA CIÊNCIA, 66., 2014, Rio Branco. Anais... Rio Branco: SBPC, 2014.
Language: pt_BR
Keywords: Manejo florestal
Floresta de produção
Exploração madeireira seletiva
Regeneração florestal
Espécies florestais amazônicas
Sobrevivência das mudas
Acre
Description: A exploração madeireira seletiva praticada na amazônica tem empobrecido a floresta e a capacidade de regeneração das espécies de valor comercial (COCHRANE e LAURANCE, 2002; ASNER et al., 2005). Essa situação tende a agravar e se tornar irreversível (SOUZA et al., 2008). Em razão da lenta recuperação da floresta após a colheita de madeira (CARVALHO, 2001) deve-se induzir a regeneração e o crescimento de espécies comerciais valiosas com a aplicação de tratamentos silviculturais periódicos que reduzam a competição por luz e nutrientes com as espécies sem valor comercial. Por meio de procedimentos e técnicas de restauração que considerem a escolha apropriada das espécies (características econômicas e ecológicas), florestas exauridas de espécies comerciais podem ser conduzidas de maneira a minimizar os efeitos da colheita seletiva que modificou sua estrutura original. O plantio de mudas é um dos métodos de regeneração mais praticados em florestas tropicais, principalmente por fornecer uma boa densidade inicial de plantas (LACERDA e FIGUEIREDO, 2009), além disso, plantios de mudas possibilitam a restauração mais rápida e eficiente da floresta, dado que as mudas já estão formadas e são plantadas em melhores condições de adubação, luminosidade e espaçamento (ARAUJO, 2013).
Data Created: 2014-11-20
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CPAF-AC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
25315.pdf52,74 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace