Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1021523
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Mandioca e Fruticultura - Resumo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2014
Type of Material: Resumo em anais de congresso (ALICE)
Authors: VIEIRA, L. de J.
LEDO, C. A. da S.
SOUZA, F. V. D.
Additional Information: LÍVIA DE JESUS VIEIRA; CARLOS ALBERTO DA SILVA LEDO, CNPMF; FERNANDA VIDIGAL DUARTE SOUZA, CNPMF.
Title: Influência do tipo de estaca e substrato na propagação vegetativa de híbridos intraespecíficos de Manihot.
Publisher: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE RECURSOS GENÉTICOS, 3., 2014, Santos. Anais... Brasília, DF: Sociedade Brasileira de Recursos Genéticos, 2014.
Language: pt_BR
Keywords: Estaquia
Description: Subespécies silvestres de Manihot esculenta representam uma fonte de genes que podem ser utilizados nos programas de melhoramento genético da mandioca, entretanto, o difícil enraizamento de estacas e regeneração de plantas de espécies silvestres é uma limitação para multiplicação vegetativa desse germoplasma. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência do tipo de estaca e substrato na propagação vegetativa de híbridos intraespecíficos de Manihot. Como material vegetal foram utilizadas estacas de cinco hibridos (F2001-04, F4003-01, F1006-04, F1 011-03 e F1 013-013) resultantes de cruzamentos entre M. esculenta ssp. flabellifolia e M. esculenta ssp. esculenta. Foram utilizados 3 tipos de estaca de acordo com o tamanho do diâmetro (1 - diâmetro £ 1,5 cm; 2 - diâmetro £ 2,0 e 3 ? diâmetro > 2,0 cm, e três tipos de substrato: Vivato®, terra vegetal e areia lavada (1:1:1), Vivato®, terra vegetal e areia lavada (0,75:1,5:0,75) e Vivato®, terra vegetal e areia lavada (0,75:0,75:1,5). Foram avaliadas após 60 dias as seguintes variáveis: percentagem de estacas vivas e enraizadas, número de raízes, massa fresca e seca das raízes em g, número de brotos e comprimento do maior broto, em cm. Foi realizado anava e as médias dos acessos e substratos foram agrupadas pelo teste de Tukey a 5% de probabilidade. Não houve efeito significativo dos substratos avaliados na propagação vegetativa nos híbridos e a variação observada foi resultante do efeito acentuado do genótipo e do tipo de estaca, sendo o diâmetro do tipo 3 foi o que apresentou maior porcentual de estacas vivas e enraizadas e o híbrido F1 013-03 o que apresentou médias mais elevadas em todas as variáveis.
Thesagro: Mandioca
Reprodução
NAL Thesaurus: Cassava
Data Created: 2015-08-06
Appears in Collections:Resumo em anais de congresso (CNPMF)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
INFLUENCIADOTIPODE.pdf22,14 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace