Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1074241
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Meio Ambiente - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 22-Ago-2017
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: PEDREIRA, M. dos S.
BERCHIELLI, T. T.
OLIVEIRA, S. G. de
PRIMAVESI, O.
LIMA, M. A. de
FRIGHETTO, R. T. S.
Informaçães Adicionais: MARCIO DOS SANTOS PEDREIRA, UFCAV/UNESP; TELMA TEREZINHA BERCHIELLI, UFCAV/UNESP; SIMONE GISELE DE OLIVEIRA, UFCAV/UNESP; ODO PRIMAVESI, CPPSE; MAGDA APARECIDA DE LIMA, CNPMA; ROSA TOYOKO SHIRAISHI FRIGHETTO, CNPMA.
Título: Produção de metano e concentração de ácidos gráxos voláteis ruminal em bovinos alimentados com diferentes relações de Volumoso: Concentrado1.
Fonte/Imprenta: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 41., 2004, Campo Grande, MS. A produção animal e a segurança alimentar: anais dos simpósios e dos resumos. Campo Grande, MS: Sociedade Brasileira de Zootecnia: Embrapa Gado de Corte, 2004. 1 CD-ROM.
Páginas: p.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Ácidos gráxos
Metano
Conteúdo: Os ruminantes, devido ao processo digestivo de fermentação entérica, são reconhecidos como importante fonte de emissão de metano para a atmosfera. Além disso, a produção desse gás, que pode variar em função do sistema de alimentação, é considerada uma parte perdida da energia do alimento, refletindo em ineficiência na produção animal. Dessa forma o presente trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar o efeito de dietas com diferentes relações volumoso:concentrado sobre a produção de metano no rúmen de bovinos de corte e determinar a concentração de AGV. O volumoso utilizado foi a silagem de sorgo e os tratamentos consistiram em 100% de volumoso, 70% de volumoso + 30% de concentrado e 40% de volumoso + 60% de concentrado (40:60). O delineamento utilizado foi em blocos completamente casualizados. A produção de metano por animal foi superior ao se adicionar 30% de concentrado a dieta, no entanto os valores foram semelhantes para os animais recebendo silagem de sorgo e silagem de sorgo com 60% de concentrado. Houve uma redução de 33% nas perdas de energia na forma de metano quando expressa como porcentagem da energia bruta ingerida ao aumentar a inclusão de grãos à dieta. A concentração dos ácidos propiônico e butírico foi superior nas dietas com suplementação com concentrado, não havendo efeito sobre o ácido acético. O fornecimento de concentrado aumentou a eficiência de utilização da energia representada pelas menores perdas de metano em função da energia ingerida.
Ano de Publicação: 2004
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CNPMA)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2004PL03PedreiraProducao15569.pdf30,04 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace