Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1085140
Title: Fixação de nitrogênio in vitro de isolados de gramíneas forrageiras no Semiárido pernambucano.
Authors: ANTUNES, G. dos R.
SANTOS, J. M. R. dos
ARAUJO, G. G. L. de
VOLTOLINI, T. V.
FERNANDES JUNIOR, P. I.
Affiliation: GABIANE DOS REIS ANTUNES, Bolsista Capes; JOÃO MARCOS RODRIGUES DOS SANTOS, Estagiário da Embrapa Semiárido/UPE; GHERMAN GARCIA LEAL DE ARAUJO, CPATSA; TADEU VINHAS VOLTOLINI, CPATSA; PAULO IVAN FERNANDES JUNIOR, CPATSA.
Date Issued: 2017
Citation: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE AGROMETEOROLOGIA, 20; SIMPÓSIO DE MUDANÇAS CLIMÁTICAS E DESERTIFICAÇÃO NO SEMIÁRIDO BRASILEIRO, 5., 2017, Juazeiro, BA. A agrometeorologia na solução de problemas multiescala: anais. Petrolina: Embrapa Semiárido; Juazeiro: UNIVASF; Campinas: Sociedade Brasileira de Agrometeorologia, 2017.
Description: O objetivo do presente estudo foi avaliar a capacidade de fixação de nitrogênio in vitro de isolados de capim buffel e sorgo forrageiro, plantas naturalmente adaptadas às condições do Semiárido Brasileiro. Bactérias foram isoladas em meio BMGM semi-sólido, e depois da presença da película microaerotáxica, as colônias foram purificadas em meio sólido Dygs. Para avaliação da fixação de nitrogênio, foram inoculadas em frascos contendo 10 mL de meio BMGM semi-sólido em triplicatas e incubados a temperatura ambiente por cinco dias. Após o crescimento bacteriano com a formação da película característica, as amostras foram homogeneizadas manualmente e foram congeladas a (-20°C), por 24 horas. Após esse processo, os tubos foram aquecidos em micro-ondas. Da solução resultante (meio + conteúdo celular) foram utilizados 5 mL em tubos de ensaio para digestão pelo método semi-micro Kjedahl. As produções de N variaram de 10,93 (bactéria de referência) à 90g/mL de N no isolado B17 (Bacillus). O maior número de isolados e com maior produção de N, foram os isolados de capim buffel, com produção média de 66,87 g/mL. Comparando com a bactéria de referência (BR11417), a fixação de nitrogênio via FBN proporcionados pelos isolados do capim buffel e sorgo forrageiro podem chegar à seis vezes mais. Bactérias isoladas de gramíneas forrageiras nas condições do Semiárido são capazes de fixar nitrogênio in vitro via FBN, com incrementos de 600%. .
Thesagro: Capim buffel
Pastagem
Sorgo forrageiro
Bactéria
Produção animal
Fixação de Nitrogênio
Keywords: FBN
Smiárido
Anima production
Language: pt_BR
Type of Material: Parte de livro
Access: openAccess
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CPATSA)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PauloIvan2.pdf120,32 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace