Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/124184
Unidade da Embrapa/Coleção:: Área de Informação da Sede - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 9-Jun-2008
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: VALÉRIO, I.P.
CARVALHO, F.I.F. de
OLIVEIRA, A.C. de
MACHADO, A. de A.
BENIN, G.
SCHEEREN, P.L.
SOUZA, V.Q. de
HARTWIG, I.
Informaçães Adicionais: Embrapa Trigo
Título: Desenvolvimento de afilhos e componentes do rendimento em genótipos de trigo sob diferentes densidades de semeadura.
Edição: 2008
Fonte/Imprenta: Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasilia, DF, v. 43, n.3, p.319-326, mar. 2008.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Triticum aestivum
estádio de desenvolvimento
potencial de afilhamento
senescência
sobrevivência de afilhos
Conteúdo: O objetivo deste trabalho foi determinar o padrão de desenvolvimento de afilhos em genótipos de trigo contrastantes para esse caráter, em diferentes densidades de semeadura, bem como seus efeitos sobre os componentes do rendimento de grãos. O experimento foi conduzido no Município de Capão do Leão, RS, em 2006. Dez cultivares de trigo, selecionadas com base na capacidade de afilhamento, foram utilizadas em delineamento de parcelas divididas, com a parcela composta pelo fator cultivar, e as subparcelas pelas densidades de semeadura, com 50, 200, 350, 500 e 650 sementes aptas por metro quadrado. Observou-se que a senescência de afilhos esteve diretamente relacionada ao potencial de afilhamento dos genótipos. Os genótipos com elevada capacidade de afilhamento apresentaram efeito mais pronunciado da senescência, com o aumento da densidade de semeadura. O melhor ajuste dos componentes do rendimento foi obtido por meio da adequada densidade de semeadura, que deve ser realizada com base no potencial de afilhamento dos genótipos. Além disto, o efeito compensatório de genótipos com reduzido potencial de afilhamento é resultante de maior massa de grãos por espiga, em detrimento do número de espigas por unidade de área.
Ano de Publicação: 2008
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (AI-SEDE) / Embrapa Informação Tecnológica (SCT)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
43n03a05.pdf194,05 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace