Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/311930
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Florestas - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 15-Fev-2006
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: RESENDE, M. D. V. de
STURION, J. A.
PERREIRA, J. C. D.
Título: Tamanho amostral para detecção de diferenças significativas entre tratamentos.
Edição: 2004
Fonte/Imprenta: Boletim de Pesquisa Florestal, Colombo, n. 49, p. 109-120, jul./dez. 2004.
Idioma: pt_BR
Notas: Nota técnica.
Palavras-chave: Esatística experimental
Pesquisa científica.
Conteúdo: No presente trabalho são apresentados os tamanhos amostrais adequados à detecção de diferenças significativas entre tratamentos experimentais empregados na pesquisa científica. A abordagem empregada baseia-se na magnitude do coeficiente de determinação (R2) dos efeitos de tratamentos. O tamanho amostral necessário diminui com o aumento do R2 da variável. Para detecção de diferenças de magnitudes equivalente a um desvio padrão da variável, o tamanho amostral necessário varia de 15 a 5 para R2 variando de 5% a 70%
Thesagro: Amostragem.
Ano de Publicação: 2004
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CNPF)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Pag109120.pdf131,67 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace