Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/31647
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Monitoramento por Satélite - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 6-Mar-2009
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: MACIEL, R. C. G.
CAVALCANTI, F. C. da.
MANGABEIRA, J. A. D. C.
REYDON, B. P.
Informaçães Adicionais: RAIMUNDO CLÁUDIO GOMES MACIEL, UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE; FRANCISCO CARLOS DA SILVEIRA CAVALCANTI, UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE; JOAO ALFREDO DE CARVALHO MANGABEIRA, CNPM; BASTIAAN PHILIP REYDON, UNICAMP.
Título: A sustentabilidade das reservas extrativistas pela perspectiva da economia ecológica.
Edição: 2008
Fonte/Imprenta: In: CONGRESSO DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E SOCIOLOGIA RURAL, 2008. Rio Branco, AC: Anais ... Brasília, DF: SOBER, 2008.
Páginas: 14 p.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Sustentabilidade
Reservas extrativistas
Economia ecológica
Conteúdo: As Reservas Extrativistas (RESEX) são áreas de domínio público, com uso concedido às populações extrativistas tradicionais, cuja subsistência baseia-se no extrativismo e na agricultura de subsistência e na criação de animais de pequeno porte, e têm como objetivos básicos proteger os meios de vida e a cultura dessas populações, e assegurar o uso sustentável dos recursos naturais da unidade. Porém, o aumento da área para agropecuária dentro das reservas vem aumentando e, assim, o desmatamento. O presente estudo tem como objetivo promover uma reflexão sobre a regulamentação ambiental. A parte metodológica deste trabalho é baseada na literatura sobre o tema dentro do contexto da Economia Ecológica. Assim, este trabalho procura analisar a eficácia da regulamentação ambiental no sentido de deter os desmatamentos e garantir a manutenção das reservas extrativistas. Centrou-se a atenção nos instrumentos reguladores de comando e controle (C&C) e no uso de instrumentos econômicos (IE). As principais conclusões indicam que, apesar dos desafios, a pertinência e acerto da política ambiental representados pela existência das RESEX são evidentes. No plano real trata-se da melhor e mais adequada proposta de conservação da floresta amazônica. Contribuiu em muito para o êxito da proposta a ampla mobilização do conjunto de moradores da reserva. A adoção de um mix de políticas ambientais, envolvendo políticas de comando e controle e uso de instrumentos econômicos legitima e assegura a efetivação das medidas. Em decorrência, os controles e a fiscalização, em geral dispendiosos, tornam-se viáveis em função do envolvimento dos moradores.
Ano de Publicação: 2008
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CNPM)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2302.pdf162,51 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace