Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/338620
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Solos - Tese/dissertação (ALICE)
Date Issued: 2004
Type of Material: Tese/dissertação (ALICE)
Authors: MARQUES, F. A.
Additional Information: FLAVIO ADRIANO MARQUES, CNPS.
Title: Caracterização e classificação de solos da Ilha de Fernando de Noronha (PE).
Publisher: 2004.
Pages: 101 f.
Language: Portugues
Notes: Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo) - Universidade Federal Rural de Pernambuco, Recife.
Description: Na Ilha principal do Arquipélago de Fernando de Noronha, em virtude de características peculiares como o clima tropical com franco domínio oceânico, o relevo movimentado e o material de origem de natureza vulcânica, formam-se solos pouco desenvolvidos de especial interesse científico, particularmente, no que tange (SiBCS). Deste modo, foram caracterizados morfológica, física, química e mineralogicamente, e classificados sete perfis de solos de ocorrência comum neste ambiente insular, sendo dois de Neossolos, dois de Vertissolos e três de Cambissolos, com o objetivo de construir para o aprimoramento do SiBCS. O perfil classificado como Neossolo Litólico apresenta contato lítico (camada R) constituído por fragmentos de rochas basálticas (ankaratritos), e está associados com área de relevo forte ondulado. O Neossolo Regolítico está relacionado aos depósitos sedimentares marinhos da baixada litorânea. Os Vertissolos desenvolveram-se nas superfícies côncavas do planalto , imperfeitamente a mal drenadas e caracterizam-se quimicamente pelas elevadas soma e saturação por bases , além dos teores crescentes de Na+ trocável em superfície. Os Cambissolos Háplicos representam os solos mais desenvolvidos do Arquipélago, ocorrendo em diversos níveis topográficos e sob declividades variadas, recobrindo as maiores porções do planalto central. Do ponto de vista da classificação dos solos, tanto os Vertissolos quanto os Cambissolos foram adequadamente enquadrados no SiBCS, enquanto que os Neossolos não puderam ser enquadrados, ora por apresentarem características incomuns aos solos do continente, ora pela ausência de termos mais apropriados, que melhor explicitassem suas características distintas. Sugere-se, portanto, a inclusão no SiBCS do grande grupo Neossolo Litólico Fragmentário, para abranger aqueles solos que apresentam o contato lítico não contínuo, constituído por 90% do volume da camada R por fragmentos de rocha, e do subgrupo Neossolo Regolítico Psamílico bioclástico- carbonáticos.
Thesagro: Classificação do Solo
Data Created: 2005-12-29
Appears in Collections:Tese/dissertação (CNPS)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao-Flavio-Adriano-Marques-2004.pdf3,11 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace