Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/465588
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Soja - Resumo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 9-Out-2003
Tipo do Material: Resumo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: MESQUITA, C. de M.
COSTA, N. P. da
PORTUGAL, F. A. F.
KRZYZANOWSKI, F. C.
FRANÇA-NETO, J. B.
Informaçães Adicionais: CEZAR DE MELLO MESQUITA, CNPSo; NILTON PEREIRA DA COSTA, CNPSo; FRANCISCO CARLOS KRZYZANOWSKI, CNPSO; JOSE DE BARROS FRANCA NETO, CNPSO.
Título: Avaliação do medidor de quebras e bandinhas para prevenção da perda de qualidade das sementes da colheita da soja.
Edição: 2003
Fonte/Imprenta: Informativo ABRATES, Londrina, v. 13, n. 3, p. 123, set. 2003. Número especial, ref. 122.
Idioma: pt_BR
Notas: Edição dos Resumos do XIII Congresso Brasileiro de Sementes, Gramado, RS, set. 2003.
Conteúdo: Estudou-se a possibilidade de uso de um medidor de sementes quebradas como método alternativo ao teste de hipoclorito, utilizado por produtores na seleção ou descarte de lotes de sementes. Para isso, foram avaliados os níveis de correlação de sementes quebradas com os de ruptura de tegumento, medidos pelo teste de hipoclorito, e desses dois com os níveis de vigor das sementes produzidas na colheita mecânica da soja. Foram avaliadas mais de 1200 amostras obtidas durante cinco safras - 1997/1998 a 2001/2002 - provenientes de mais de 1200 colhedoras dos principais Estados produtores, uma vez que cada amostra correspondia a uma colhedora. Todas as amostras foram analisadas segundo os níveis de quebra de sementes, ruptura de tegumento (teste do hipoclorito), vigor e germinação, dentre outros parâmetros físicos e fisiológicos. Além disso, na obtenção de cada amostra eram registradas características relacionadas à operação e às condições da cultura no momento da colheita, como rotação do cilindro, velocidade de trabalho, idade da colhedora e grau de umidade das sementes. Na primeira análise encontrou-se coeficiente de correlação (R) de 0,72, julgado satisfatório, considerando-se as inúmeras variáveis aleatórias e respectivas interações ocasionadas pelas diferentes origens, cultivares, e outras características das amostras. Com essa correlação e a equação empírica correspondente, o valor de 3% de bandinhas, citado como referência na literatura, correspondeu a cerca de 11% no teste de hipoclorito e 76% de vigor. Para a segunda análise, foram eliminadas as amostras colhidas com grau de umidade inferior a 11% e superior a 16%, com danos mecânicos (TZ) acima de 10% e com rotação do cilindro superior a 600 rpm, condições reconhecidamente desfavoráveis para sementes. Com isso, o coeficiente de correlação subiu para 0,74, correspondendo a cerca de 10% de hipoclorito e 80% de vigor, para os mesmos 3% de sementes quebradas. Como muitos produtores de sementes usam o referencial acima de 10% para o descarte de lotes pelo teste de hipoclorito, este valor corresponderia a 3% de sementes quebradas. Entretanto, o uso do medidor de sementes quebradas teria a grande vantagem de ser utilizado no campo durante a operação de colheita, permitindo avaliações rápidas e, principalmente, os ajustes imediatos no sistema de trilha. Dessa forma, os níveis de bandinhas e sementes quebradas seriam mantidos abaixo dos 3%, garantindo a colheita de sementes com vigor igual ou superior a 80%. O medidor constitui-se de um copo cilíndrico transparente, feito de PVC, contendo em sua superfície uma coluna numérica indicando diretamente o percentual de bandinhas e quebras depositadas no medidor, após separadas das sementes inteiras contidas nas amostras originais. Dessa forma, o medidor substitui balanças e cálculos, simplificando e tornando prática e ágil a monitoração e estimativa dos níveis de sementes quebradas e permitindo de imediato os ajustes no sistema de trilha, quando necessário.
Thesagro: Soja.
Ano de Publicação: 2003
Aparece nas coleções:Resumo em anais de congresso (CNPSO)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
id220980001.pdf613,63 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace