Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/48553
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Pecuária Sudeste - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 29-Out-2008
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: PEDROSO, A. de F.
RODRIGUES, A. de A.
SANTOS, F. A. P.
BARIONI JUNIOR, W.
BARBOSA, P. F.
NUSSIO, L. G.
Informaçães Adicionais: André de Faria Pedroso, CPPSE; Armando de A. Rodrigues, CPPSE; F. A. P. Santos, ESALQ; Waldomiro Barioni Júnior, CPPSE; Pedro Franklin Barbosa, CPPSE; Luiz Gustavo Nussio, ESALQ.
Título: Desempenho de tourinhos alimentados com rações preparadas com silagens de cana-de-acúçar tratadas com aditivos químicos ou inoculante bacteriano.
Edição: 2008
Fonte/Imprenta: In: CONGRESSO NORDESTINO DE PRODUÇÃO ANIMAL, 5.; SIMPÓSIO NORDESTINO DE ALIMENTAÇÃO RUMINANTES, 11.; SIMPÓSIO SERGIPANO DE PRODUÇÃO ANIMAL, 2008, Aracaju. Anais... Aracaju: SNPA, 2008.
Idioma: pt_BR
Conteúdo: A fermentação alcoólica prejudica a qualidade de silagens de cana-de-açúcar e pode prejudicar o desempenho dos animais. Aditivos podem reduzir a produção de etanol e melhorar a qualidade das silagens. Este experimento avaliou o desempenho de tourinhos alimentados com rações preparadas com silagens de cana-de-açúcar aditivadas ou sem tratamento. Trinta tourinhos canchim foram aleatoriamente distribuídos em um delineamento inteiramente casualizado, para avaliar rações com silagem e alimentos concentrados na proporção 35:65 na matéria seca (MS). Tratamentos: Tl- ração com silagem sem aditivo; T2 -ração com silagem tratada com uréia (5 gikg de forragem) + benzo ato de sódio (0,5 gikg); T3 -ração com silagem inoculada com Lactobaci/lus buchneri (5 x 104 ufc/g). Todas as silagens apresentaram pH inferior a 4,0 após 13 meses de ensilagem, mas a silagem com uréia + benzoato teve pH mais elevado (P < 0,05) de 3,86. A aplicação da uréia + benzo ato e do inoculante reduziu (P < 0,05) o teor de etanol nas silagens em relação à silagem sem tratamento (42,7; 72,5 e 92,3 gikg da MS, respectivamente). O ganho de peso vivo (PV) e a conversão alimentar não foram afetados (P > 0,05) pelos tratamentos (média de 1,75 kgidia e 6,60 kg de MS/kg de PV, respectivamente). A alta proporção de concentrados nas rações pode ter impedido que a diferença na qualidade das silagens afetasse o desempenho dos animais.
Thesagro: Ganho de Peso
Inoculante
Silagem
Valor Nutritivo.
Ano de Publicação: 2008
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CPPSE)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
17909.pdf319,94 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace