Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/487080
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Milho e Sorgo - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Date Issued: 2003
Type of Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Authors: SANTOS, M. X.
MARRIEL, I. E.
PACHECO, C. A. P.
GAMA, E. E. G.
PARENTONI, S. N.
GUIMARAES, P. E. O.
CARVALHO, H. W. L.
MEIRELLES, W. F.
RIBEIRO, P. H. E.
FRANCA, G. E.
Additional Information: Embrapa Milho e Sorgo; IVANILDO EVODIO MARRIEL, CNPMS; CLESO ANTONIO PATTO PACHECO, CNPMS; SIDNEY NETTO PARENTONI, CNPMS; PAULO EVARISTO DE O GUIMARAES, CNPMS; WALTER FERNANDES MEIRELLES, CNPMS.
Title: Quinto ciclo de seleção recorrente na população de milho sintético Eite NT em solos com baixo nível de nitrogênio.
Publisher: Revista Científica Rural, Bagé, v. 8, n. 1, p. 79-84, 2003.
Language: pt_BR
Keywords: Estresse abiotico
Meios irmaos
Parametros geneticos
Description: Os programas de melhoramento, de modo geral, têm selecionado sob condições ótimas, mas, esta parece ser a estratégia ideal no desenvolvimento de cultivares para áreas sob estresses. O objetivo deste trabalho foi avaliar o quinto ciclo de seleção recorrente na população Sintético Elite NT e efetuar as estimativas de parâmetros genéticos sob duas condições ambientais:com estresse (N-) e sem estresse de nitrogênio (N+). Foram avaliadas em Sete Lagoas-MG, 64 famílias de meios irmãos tendo-se utilizado o delineamento em látice simples 8x8 e uma testemunha intercalar (BR106), selecionada sempre em condiçoes ótimas. Os resultados da análise individual e conjunta de variância mostraram diferenças altamente significativas para tratamento (P<0.001) e para a interação tratamentos x ambientes. A redução de produtividade de N+ para N-foi de 75% para a testemunha intercalar e 62%para as famílias selecionadas. A estimativa da variância genética aditiva no ambiente N- foi 5,5 vezes mais baixa que no ambiente N+ e o coeficiente de herdabilidade ao nível de médias foi 2,5 vezes mais alto que ao nível de plantas individuais. O ganho genético estimado em N-foi de 9,66g/planta enquanto que em N+ foi de 35,03 g/planta. Apesar das estimativas dos parâmetros genéticos serem mais baixas em N-, há suficiente variabilidade genética para continuidade com o programa de melhoramento.
Thesagro: Milho
Zea Mays
Data Created: 2003-09-10
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CNPMS)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Quintociclo.pdf4,95 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace