Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/53148
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Meio-Norte - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 30-Dez-2008
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: COSTA, M. da S.
ARAÚJO, A. M. de
MORAES, J. de B.
CUNHA, R. M. S. da
CAMPELO, J. E. G.
LIMA, S. E. F.
OLIVEIRA, J. A. de
ALMEIDA, G. M. de
SILVA, F. R. da
ALMEIDA, M. J. de O.
Informaçães Adicionais: Márcio da Silva Costa, UFPI; Adriana Mello de Araújo, Embrapa Meio-Norte; Joubert de Borges Moraes, UFPI; Rodrigo Maranguape Silva da Cunha, UVA,Sobral; José Elivalto Guimarães Campelo, UFPI; Shara Emanuella Freire Lima, Universidade Estadual Vale do Acaraú; Joahsllenny Alves de Oliveira, UFPI; Glícia Maria de Almeida, UFPI; Francisco Ribeiro da Silva, Embrapa Caprinos; Marcos Jacob de Oliveira Almeida, Embrapa Meio-Norte.
Título: Caracterização genética de caprinos Marota no Estado do Piauí por meio de microssatélites de DNA.
Edição: 2008
Fonte/Imprenta: In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE MELHORAMENTO ANIMAL, 7., 2008, São Carlos. [Anais eletrônicos]... São Carlos: SBMA, 2008.
Páginas: 4 p.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Heterozigosidade
Polimorfismo
Recurso genético
Conteúdo: Os caprinos possuem um importante papel para a agricultura do Nordeste, concentrando-se nesta região o maior plantel da espécie no Brasil. O Estado do Piauí possui rebanhos de alguns grupos genéticos adaptados ao semi-árido e que se encontram em risco de desaparecimento. Este trabalho teve o objetivo de caracterizar a raça caprina naturalizada Marota por meio de marcadores de microssatélite, dando suporte a futuras pesquisas de melhoramento ou conservação de recursos genéticos. Os animais avaliados pertencem ao Núcleo de Conservação da Embrapa Meio-Norte e estão em risco de desaparecimento. O DNA extraído foi amplificado mediante a reação em cadeia polimerase (PCR), em multiplex e genotipados através do programa Fragment Profile (Amershan Biosystem). A freqüência alélica (FA) e a heterosigozidade media observada (H) foram calculadas através do programa TFPGA (Miller, 1997). Todos os loci analisados foram considerados informativos (H>0,5) segundo Ott (1992). Os Loci ILSTS011, CSRDS247 e HSC mostraram alelos exclusivos para a população, quando comparado com a literatura, refletindo possível variação genética entre esta população de caprinos Marota e outras populações nativas européias. O número de alelos observado demonstra haver diversidade dentro da população, não havendo indicativos de perda de diversidade dentro do rebanho de conservação.
Ano de Publicação: 2008
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CPAMN)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
marota008.pdf100,21 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace