Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1006391
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorGOMES, F. J.por
dc.contributor.authorCAVALLI, J.por
dc.contributor.authorJORGE, Y. R.por
dc.contributor.authorPEREIRA, D. H.por
dc.contributor.authorCARNEVALLI, R. A.por
dc.contributor.authorPEDREIRA, B. C. epor
dc.contributor.otherFAGNER JUNIOR GOMES, UFMT; JOSIANA CAVALLI, UFMT; YURI ROBERTO JORGE, UFMT; DALTON HENRIQUE PEREIRA, UFMT; ROBERTA APARECIDA CARNEVALLI, CPAMT; BRUNO CARNEIRO E PEDREIRA, CPAMT.por
dc.date.accessioned2015-01-22T11:11:11Zpor
dc.date.available2015-01-22T11:11:11Zpor
dc.date.created2015-01-22por
dc.date.issued2014por
dc.identifier.other315por
dc.identifier.urihttp://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1006391por
dc.descriptionA avaliação estrutural do dossel é uma maneira de garantir o entendimento dos mecanismos que governam o acúmulo de forragem em sistemas de produção. O sombreamento total ou parcial de forrageiras produzidas em sistemas Silvipastoril está atrelado a uma discussão fun damental para o entendimento das respostas estruturais de gramíneas tropicais. O objetivo foi avaliar o comportamento e as características morfológicas e estruturais do capim Marandu (Brachiaria brizantha cv. Marandu), em função da face de exposição (norte e sul) e distância (3, 6, 10 e 15 metros) das arvores no sistema Silvipastoril. O delineamento foi inteiramente casualizado, em parcela subdividida (64 m²), com quatro repetições. Dosséis manejados no sistema Silvipastoril, tanto na linha quanto na face, possuem valores médios de índice de interceptação luminosa (IL), índice de área foliar (IAF) e alturas semelhantes, no pré- e no pós-corte. A altura em pós-corte foi de 12,75 cm, muito próxima da meta de resíduo (15 cm), e correspondeu a um IAF médio de 2,75 e ângulo da folhagem (ANG) de 49,5º e interceptação luminosa (IL) de 75,94%. No pré-corte os ângulos foliares corresponderam a um valor médio de 40,2º. A altura foi em média, 28 cm com IL de 95,4%. As características estruturais do pasto de Brachiaria brizantha cv. Marandu em sistema silvipastoril não foi influenciado pela face de exposição e distância do renque, enquanto as árvores têm até 9 metros de altura.por
dc.description.uribitstream/item/116232/1/cpamt-2014-pedreira-estrutura-capim-marandu-exposicao-sol-silvipastoril.PDFpor
dc.languagept_BRpor
dc.language.isoporpor
dc.publisherIn: CONGRESSO BRASILEIRO DE ZOOTECNIA, 24., 2014, Vitória. A zootecnia fazendo o Brasil crescer: anais... Vitória: Universidade Federal do Espírito Santo, 2014. 3 p.por
dc.relation.ispartofEmbrapa Agrossilvipastoril - Artigo em anais de congresso (ALICE)por
dc.rightsopenAccesspor
dc.subjectÂngulo de folhagem.por
dc.titleEstrutura pré- e pós-corte de capim Marandu em função da face de exposição ao sol e distância do renque em sistema silvipastorilpor
dc.typeArtigo em anais de congresso (ALICE)por
dc.date.updated2015-01-22T11:11:11Zpor
dc.subject.thesagroBrachiariapor
dc.subject.thesagroBrachiaria Brizanthapor
dc.subject.thesagroFolha.por
dc.format.extent23por
dc.ainfo.id1006391por
dc.ainfo.lastupdate2015-01-22por
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CPAMT)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
cpamt2014pedreiraestruturacapimmaranduexposicaosolsilvipastoril.PDF484,47 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace