Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1008576
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorSA, I. B.pt_BR
dc.contributor.authorCUNHA, T. J. F.pt_BR
dc.contributor.authorTAURA, T. A.pt_BR
dc.contributor.authorDRUMOND, M. A.pt_BR
dc.contributor.otherIEDO BEZERRA SA, CPATSA; TONY JARBAS FERREIRA CUNHA, CPATSA; TATIANA AYAKO TAURA, CPATSA; MARCOS ANTONIO DRUMOND, CPATSA.pt_BR
dc.date.accessioned2015-02-12T11:11:11Zpt_BR
dc.date.available2015-02-12T11:11:11Zpt_BR
dc.date.created2015-02-12pt_BR
dc.date.issued2014pt_BR
dc.identifier.issn1984-2295pt_BR
dc.identifier.other54369pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1008576pt_BR
dc.descriptionNa porção semiárida do sul do Estado do Ceará existe grande diversidade na paisagem natural, onde a vegetação, os solos e o clima geram uma multiplicidade de situações que concorrem para formação de diferentes ecossistemas e habitats com grande potencial ecológico e ambiental. Nesta região, a vegetação é caracterizada por diferentes fisionomias, variando de áreas com formações arbustivas, com cobertura do solo muito escassa e quase ausente, a formações arbóreas com niveis de cobertura bastante densas. De modo análogo, nesta região ocorre uma grande variedade de solos, que por suas características, manejo e situação no relevo podem potencializar os processos erosivos, determinantes no desencadeamento da desertificação. Considerando as interrelações destas duas variáveis ambientais, este trabalho tem o objetivo de realizar um diagnóstico das áreas susceptíveis à desertificação da Mesorregião Sul Cearense, tendo como base o cruzamento das informações da cobertura vegetal natural e das classes de solos. Para tanto, foram utilizados o mapeamento da cobertura vegetal e uso do solo e o mapeamento de solos da mesorregião sul do Estado do Ceará. Foram estabelecidos critérios para susceptibilidade da cobertura vegetal, assim como para as classes de solos presentes na área. Executou-se a intersecção destas duas bases de informação para o perfil da sensibilidade à desertificação. Os resultados mostram que a região sul cearense tem os seguintes valores das áreas em processos de desertificação: 1,46% na classe ausente, 15,16% na classe fraca; 18,86% na classe moderada; 52,81% na classe acentuada e 11,71% na classe severa. Deste modo, observa-se que aproximadamente 65% da porção sul do Estado do Ceará encontram-se na situação de sensibilidade à desertificação em que predominam as classes de Acentuada e Severa.pt_BR
dc.description.uribitstream/item/117892/1/Tony-2014.pdfpt_BR
dc.languagept_BRpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherRevista Brasileira de Geografia Física, Recife, v. 7, n. 3, p. 572-583, 2014.pt_BR
dc.relation.ispartofEmbrapa Semiárido - Artigo em periódico indexado (ALICE)pt_BR
dc.subjectSemiáridopt_BR
dc.subjectCobertural vegetalpt_BR
dc.subjectCearapt_BR
dc.subjectMapeamentopt_BR
dc.subjectCódigo florestalpt_BR
dc.subjectNatural resource.pt_BR
dc.titleMapeamento da desertificação da mesorregião Sul do Ceará com base na cobertura vegetal e nas classes de solos.pt_BR
dc.typeArtigo em periódico indexado (ALICE)pt_BR
dc.date.updated2016-04-15T11:11:11Zpt_BR
dc.subject.thesagroSolopt_BR
dc.subject.thesagroRecurso naturalpt_BR
dc.subject.thesagroDesertificaçãopt_BR
dc.subject.thesagroVegetação.pt_BR
dc.subject.nalthesaurusSoilpt_BR
dc.subject.nalthesaurusDesertification.pt_BR
dc.ainfo.id1008576pt_BR
dc.ainfo.lastupdate2016-04-15pt_BR
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CPATSA)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tony2014.pdf1,52 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace