Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1013301
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Agrossilvipastoril - Resumo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2014
Type of Material: Resumo em anais de congresso (ALICE)
Authors: CHAPLA, M. E.
DIEL, D.
FARIAS NETO, A. L. de
BEHLING, M.
Additional Information: MARLUS EDUARDO CHAPLA, UFMT; DÉBORA DIEL, UFMT; AUSTECLINIO LOPES DE FARIAS NETO, CPAMT; MAUREL BEHLING, CPAMT.
Title: Distribuição horizontal da produtividade de soja em sistema de integração lavoura-pecuária-floresta
Publisher: IN: Semana Acadêmica - Sinop/2014, 1., 2014,Sinop, MT. Resumos... I Semana Acadêmica - Sinop/2014, III Jornada Científica da Embrapa Agrossilvipastoril, Seminário Integrador PIBID e Tutoria, Mostra de Ensino e Extensão. Brasília, DF : Embrapa, 2014. p. 132
Pages: 1
Language: pt_BR
Description: O sistema de integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF) possibilita aumentar a renda da propriedade, devido a intensificação do uso da terra e o aumento da eficiência dos sistemas de produção. No entanto, com o crescimento das árvores, há uma diminuição progressiva da luminosidade disponível para o sub‑bosque que pode influenciar a produtividade do componente agrícola. O objetivo do presente trabalho foi avaliar a distribuição horizontal da produtividade de soja no sistema ILPF e compará-la ao cultivo exclusivo. O experimento foi conduzido no município de Sinop/MT, avaliando-se os seguintes tratamentos: lavoura com cultivo de soja na safra e milho consorciado com Brachiaria brizantha na safrinha e o sistema de ILPF, com cultivo de eucalipto em faixas de linhas triplas (3,5 x 3,0 m orientação Leste Oeste), com soja safra na faixa de agricultura (entrerenques), seguido de milho safrinha consorciado com B. brizantha. Os tratamentos foram implantados na safra 2011/2012 sendo que as árvores foram plantadas em novembro de 2011. O experimento seguiu o delineamento de blocos casualizados (DBC) com 4 repetições. As avaliações foram realizadas no segundo ano agrícola, após implantação do experimento, na safra 2012/2013. As características agronômicas da soja foram realizadas no estágio de desenvolvimento R8, avaliando-se duas linhas de 5 m em oito posições aleatórias no cultivo exclusivo de soja. No tratamento ILPF, as duas linhas de 5 m foram avaliadas em quatro transectos equidistantes, posicionadas no sentido transversal às linhas da espécie florestal, nas distâncias de 3, 6, 10 e 15 m das florestais, para ambos os lados (face norte e face sul). Foram avaliados: número de plantas, índice de acamamento com notas de 1 a 5 (1: > 90% de plantas eretas e 5: > 80% de plantas acamadas), massa de 100 grãos e produtividade (kg ha -1 com 13% de umidade). No segundo ano agrícola, o eucalipto estava com 12 meses de idade, altura média de 4 m e DAP médio de 5,1 cm. A projeção máxima de sombra na face norte foi de 4 m às 09:30 h. Não houve diferenças significativas entre a soja cultivada em sistema exclusivo e a soja cultivada no sistema ILPF para o número de plantas (p>0,37), peso de 100 grãos (p>0,24) e índice de acamamento (p>0,24). A produtividade média de soja foi de 4.041 kg ha -1 na lavoura exclusiva e 3.999 kg ha -1 na ILPF e também não diferiu significativamente (p> 0,26). Na avaliação da distribuição horizontal, a faixa de árvores do sistema ILPF não afetou a produtividade do componente agrícola no segundo ano de condução do sistema.
Thesagro: Produtividade
Soja
Data Created: 2015-04-13
ISBN: 978-85-7035-425-9
Appears in Collections:Resumo em anais de congresso (CPAMT)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
cpamt2014Resumos1semanaacademicasinop132.pdf166,97 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace