Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1023220
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Florestas - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Date Issued: 2015
Type of Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Authors: AGUIAR NETTO, A. de O.
MAGALHÃES, L. T. S.
VASCO, A. N. do
GOMES, J. B. V.
Additional Information: Antenor de Oliveira Aguiar Netto, Universidade Federal de Sergipe; Leila Thais Soares Magalhães, PROSPERAR - Consultorias & Projetos Agrosustentáveis; Anderson Nascimento do Vasco, Instituto Federal de Sergipe; JOAO BOSCO VASCONCELLOS GOMES, CNPF.
Title: Indicadores ambientais do solo nas áreas de nascente da bacia hidrográfica do Rio Piauitinga, Sergipe.
Publisher: Ambiência, Guarapuava, v. 11 n. 2 p. 457-472, jan./abr. 2015.
Language: pt_BR
Keywords: Monitoramento ambiental
Recuperação de área degradada
Sergipe.
Description: Com o objetivo de definir estratégias para recuperação de áreas degradadas nas nascentes da bacia hidrográfica do rio Piauitinga em Sergipe; foram utilizados indicadores ambientais: textura, matéria orgânica particulada, estabilidade de macro agregados, diâmetro médio de agregados, valor da cor, pH, carbono orgânico, Ca, Mg, Al, Na, K, P, H+Al, N, soma de bases, capacidade de troca catiônica, saturação de bases e saturação de Al. Os atributos foram analisados em amostras nas profundidades de 0 a 0,1m e 0,1 a 0,3m. As nascentes foram previamente divididas em grupos de sítios, considerando sua posição na paisagem e características dos solos locais (BA, EA, EH, ES e SE). Foram determinados os coeficientes de correlação de Pearson entre os eixos da ordenação por NMS e entre os diferentes atributos. Considerando o conjunto de variáveis analisadas, o ordenamento dos grupos foi mais efetivo a partir das amostras de 0m a 0,1m, relativamente as de 0,1 a 0,3m. O ordenamento realizado com 30 variáveis estudadas permitiu gerar um gradiente ambiental, com a qualidade dos solos decrescendo na seguinte sequência: baixada, encosta com hidromorfismo, encosta com horizonte A e encosta sem horizonte A. As variáveis físicas e químicas estudadas dos solos das nascentes do alto curso do rio Piauitinga, por meio da análise multivariada, permitiram a construção de um gradiente ambiental, com a qualidade dos solos decrescente na sequência: baixada, encosta com hidromorfismo, encosta com horizonte A e encosta sem horizonte A.
Thesagro: Fertilidade do Solo.
Data Created: 2015-09-03
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CNPF)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015J.BoscoAmbIndicadoresAmbientais.pdf1,34 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace