Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1036021
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Solos - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2015
Type of Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Authors: CARVALHO FILHO, A. de
MOTTA, P. E. F. da
SILVA, E. F. da
BACA, J. F. M.
LUMBRERAS, J. F.
FRANCO, R. de J.
Additional Information: AMAURY DE CARVALHO FILHO, CNPS; PAULO EMILIO FERREIRA DA MOTTA, CNPS; ENIO FRAGA DA SILVA, CNPS; JESUS FERNANDO MANSILLA BACA, CNPS; JOSE FRANCISCO LUMBRERAS, CNPS; RENATO DE JESUS FRANCO, BOLSISTA FINEP.
Title: Planilhas para conversão automática dos graus de limitação de acordo com os quadros-guia do Sistema de Avaliação da Aptidão Agrícola das Terras, e sua aplicação ao UZEE-Amazônia Legal.
Publisher: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA DO SOLO, 35., 2015, Natal. O solo e suas múltiplas funções: anais. Natal: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo, 2015.
Language: pt_BR
Keywords: Classes de aptidão
Potencial agrícola
Description: Visando facilitar o processo de determinação das classes de aptidão agrícola, conforme o Sistema de Avaliação da Aptidão Agrícola das Terras (Ramalho Filho & Beek, 1995), foram elaboradas planilhas, no Microsoft Excel®, que realizam de forma automática a conversão dos graus de limitação atribuídos às terras, de acordo com os quadros-guia para as regiões subtropical, tropical-úmida e semiárida. Além da simbolização preconizada pelo Sistema, nas referidas planilhas são contempladas ainda outras possibilidades de representação, que podem ser escolhidas pelo usuário, e informados também os principais fatores limitantes para o uso nas condições dos níveis de manejo A, B ou C. Como teste de validação e exemplo da utilização dos procedimentos informatizados desenvolvidos, são apresentados alguns resultados referentes à avaliação da aptidão agrícola das terras para as áreas desmatadas da Amazônia Legal. Nessa avaliação foi contemplado apenas o potencial de utilização com lavoura nos níveis de manejo B e C, além de pastagem plantada e silvicultura (nível de manejo B), sendo a classificação apresentada de forma individualizada. O uso das planilhas mostrou-se muito eficiente e resultou em acentuada economia de tempo, facilitando sobremaneira a avaliação de uma grande quantidade de unidades de solo.
Data Created: 2016-02-03
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CNPS)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015176.pdf177,79 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace