Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1079864
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Caprinos e Ovinos - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2017
Type of Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Authors: MARANGUAPE, J. S.
SANTOS, F. G. R. dos
FONTENELE, R. G.
SANTOS, M. A. dos
CANDIDO, M. J. D.
POMPEU, R. C. F. F.
Additional Information: Jéssica Sousa Maranguape, Graduação - Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA) - Sobral, CE, Brasil.
ROBERTO CLAUDIO FERNANDES F POMPEU, CNPC.
Renato Gomes Fontenele, Pós-graduação - Universidade Federal do Ceará (UFC) - Fortaleza, CE, Brasil
Milena Alves dos Santos, Graduação - UVA - Sobral, CE, Brasil.
Magno José Duarte Cândido, UFC - Fortaleza, CE, Brasil
Francisca Gizele Rodrigues dos Santos, Pós-graduação - UVA - Sobral, CE, Brasil.
Title: Índices de crescimento de dois cultivares do gênero Urochloa durante o período de estabelecimento.
Publisher: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE AGRONOMIA, 30., 2017, Fortaleza. Segurança hídrica: um desafio para os engenheiros agrônomos do Brasil; [anais]. Fortaleza: AEAC; CONFAEAB, 2017. 6 f.
Language: pt_BR
Keywords: Variedade Paiaguás
Variedade Piatã
Índice de área foliar
Semiárido
Brasil
Description: Resumo: As forrageiras apresentam variação ao longo do seu crescimento, em razão de variação na idade fisiológica e das condições de meio e manejo. Objetivou-se avaliar os índices de crescimento no cv. Piatã e cv. Paiaguás durante o estabelecimento, num delineamento de blocos completos ao acaso com quatro repetições (blocos). Avaliaram-se a taxa de crescimento de cultura (TCC), índice de área foliar (IAF), taxa de crescimento relativo (TCR), taxa de assimilação líquida (TAL), razão de área foliar (RAF), razão de peso foliar (RPF) e área foliar específica (AFE). Não se observou interação (P>0,05) entre gramíneas x idade para as variáveis avaliadas. Contudo, os dados foram avaliados pelo efeito principal. Em relação ao efeito de fonte, observaram-se diferenças apenas para a RPF, com o cv. Piatã superior ao cv. Paiaguás. A TCC decresceu (P<0,05) com as idades, com valor estimado em 30,6 kg MS/m²*dia aos 39 dias. Observou-se efeito quadrático de idades de corte sobre o IAF, TCR, TAL e RAF. O crescimento das gramíneas BRS Piatã e BRS Paiaguás elevou-se com a idade, mas a partir dos 35-37 dias, há comprometimento na sua estrutura de maneira mais acentuada
Thesagro: Gramínea forrageira
Capim Urochloa
Pastagem
Data Created: 2017-11-16
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CNPC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
cnpc2017Indices.pdf339,78 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace