Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1085862
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Semiárido - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Date Issued: 2017
Type of Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Authors: ROCHA, R. S.
VOLTOLINI, T. V.
GAVA, C. A. T.
Additional Information: Rafael Sene Rocha, UNIVASF; TADEU VINHAS VOLTOLINI, CPATSA; CARLOS ALBERTO TUAO GAVA, CPATSA.
Title: Características produtivas e estruturais de genótipos de palma forrageira irrigada em diferentes intervalos de corte.
Publisher: Archivos de Zootecnia, Córdoba, v. 66, n. 255, p. 363-371, 2017.
Pages: p. 363-371
Language: pt_BR
Keywords: Nopalea sp
Opuntia sp
Palmas irrigadas
Intervalo de corte
Sistema de manejo
Região semiárida
Nopalea.
Cactus
Brazilian semiarid
Alternative food
Alimentação animal
Description: A palma forrageira, recebendo aporte adicional de água, pode se constituir em alternativa alimentar para os rebanhos da região semiárida brasileira, entretanto são escassas as informações sobre as respostas produtivas e estruturais dos genótipos, assim como do intervalo de cortes da planta. Esta pesquisa teve o objetivo de avaliar as características produtivas e estruturais de genótipos de palma forrageira em diferentes intervalos de corte. O delineamento experimental foi em blocos completos casualizados com parcelas subdivididas tendo os genótipos dispostos nas parcelas e os intervalos de corte nas subparcelas, com quatro repetições por tratamento, totalizando 48 unidades experimentais. O experimento foi realizado no período de maio de 2014 a setembro de 2015, com três genótipos de palma forrageira, a orelha de elefante mexicana (OEM) (Opuntia stricta (Haw.) Haw.), IPA 20 (Opuntia ficus indica (Mill)) e a miuda (Nopalea cochenillifera Salm. Dyck) e intervalos de corte de 4, 8, 12 e 16 meses após o plantio. A OEM aos 16 meses apresentou maior massa de forragem (t de matéria seca/ha e matéria verde/ha) em comparação com a miuda e IPA 20 nos diferentes intervalos de corte, tendo ainda maior taxa de acúmulo de forragem e melhor eficiência de uso da água. A miuda teve maior número de cladódios e cladódios mais leves. A OEM juntamente com a miuda apresentaram maiores índices de área de cladódio a partir de oito meses após o plantio comparada à IPA 20. Os genótipos assim como o intervalo de corte afetam as características produtivas e estruturais da palma forrgeira.
Thesagro: Palma forrageira
Genótipo.
NAL Thesaurus: Opuntia.
Data Created: 2018-01-19
ISSN: 1885-4494
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CPATSA)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tadeu2017.pdf386,77 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace