Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1091005
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Amazônia Oriental - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2018
Type of Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Authors: BASTOS, A. J. R.
SANTOS, T. G. dos
PEDROZA NETO, J. L.
FERNANDES, J. R. Q.
ALVES, R. M.
Additional Information: Abel Jamir Ribeiro Bastos, GRADUANDO UFRA; Thalita Gomes dos Santos, GRADUANDO UFRA; Jack Loureiro Pedroza Neto, GRADUANDO UFRA; JOSE RAIMUNDO QUADROS FERNANDES, CPATU; RAFAEL MOYSES ALVES, CPATU.
Title: Análise do comportamento do cupuaçuzeiro consorciado com mogno brasileiro em sistema agroflorestal em Tomé Açu - PA.
Publisher: In: ENCONTRO AMAZÔNICO DE AGRÁRIAS, 9., 2017, Belém, PA. Anais... Belém, PA: UFRA, 2018.
Pages: p. 319-324.
Language: pt_BR
Notes: IX ENAAG.
Keywords: Consórcio
Sistema agroflorestal
Description: Este trabalho teve por objetivo avaliar as inter-relações entre árvores de mogno brasileiro e cupuaçuzeiro, visando avaliar a viabilidade dessas espécies para utilização em sistemas agroflorestais. O sistema agroflorestal foi implantado em 2005 com três espécies: maracujazeiro; cupuaçuzeiro e mogno brasileiro. Avaliaram-se quatro níveis de influência do mogno sobre o cupuaçuzeiro, definidos pela proximidade dessas duas espécies envolvidas: Nível 1 = 2,3 m; Nível 2 = 5,5 m; Nível 3 = 7,3 m; Nível 4 = 8,8 m (testemunha). Foi estimado o desenvolvimento vegetativo em altura e diâmetro nos dois primeiros anos (2006 e 2007), a média de produção de frutos/planta nas cinco últimas safras (2010/2011 à 2014/2015) e o percentual de plantas mortas e danificadas nesta última. Os dados foram submetidos à análise de variância seguida do teste de Tukey no programa estatístico Genes. Para o estudo, foi possível observar que a competição estabelecida pelo mogno afetou o cupuaçuzeiro em todos os níveis de distância avaliados sem apresentar diferenças estatísticas significativas para as variáveis avaliadas. Para a altura das plantas as médias foram de 1,76, 1,75, 1,68 e 1,75 m, enquanto que para o diâmetro do caule foram de 2,99, 2,99, 2,93 e 3,05 cm para os níveis 1, 2, 3 e 4, respectivamente. O número de frutos apresentou média geral de 16,37 frutos/planta/safra, entre 15,90 (nível 1) e 17,15 frutos (nível 4). Por outro lado, a taxa de mortalidade e de danos às plantas foram baixas e similares entre si. Em função dos resultados apresentados, foi possível concluir que o mogno brasileiro afetou uniformemente o plantio de cupuaçuzeiro, entretanto tendo em vista a complexidade das relações nesse sistema, há necessidade de ampliação e refinamento das pesquisas neste segmento.
Thesagro: Cupuaçu
Mogno
Swietenia Macrophylla
Theobroma Grandiflorum
Data Created: 2018-04-30
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CPATU)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ANAISIXENAAG03.pdf875,06 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace