Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1094044
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Uva e Vinho - Tese/dissertação (ALICE)
Date Issued: 2013
Type of Material: Tese/dissertação (ALICE)
Authors: TIECHER, A.
Additional Information: Aline Tiecher, Universidade Federal de Pelotas.
Title: Respostas bioquímico-fisiológicas, transcricionais e mapeamento de QTLs de frutos na pós-colheita.
Publisher: 2013.
Language: pt_BR
Notes: Tese (Doutorado em Ciência e Tecnologia de Alimentos). Universidade Federal de Pelotas, Programa de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos, Pelotas, 2013. Orientador: César Luis Girardi, PhD ? Embrapa Uva e Vinho; Cesar Valmor Rombaldi, PhD ; PPGCTA;UFPel; Fábio Clasen Chaves, PhD ?PPGCTA,UFPel; François Laurens, PhD ?IRHS, INRA
Keywords: Marcadores moleculares
Locos de características quantitativas
Description: Durante o amadurecimento as principais alterações que ocorrem nos frutos, além de resultarem na alteração da coloração, contribuem para a melhoria do flavor, da textura e dos atributos de qualidade nutricional e funcional. Em frutos climatéricos, como o tomate e a maçã, a evolução dos atributos de qualidade é influenciada pelo hormônio vegetal etileno, que é aumentado drasticamente durante a maturação. A fim de reduzir perdas nos atributos de qualidade dos frutos, novas estratégias tecnológicas vêm sendo desenvolvidas. O tratamento com o uso da radiação UV-C, além de seu conhecido efeito germicida, é uma dessas estratégias capaz de retardar o processo de amadurecimento. Além disso, a radiação UV-C atua como um agente estressor, capaz de induzir mecanismos de defesa, que é qualificado pelo metabolismo especializado. Assim, no primeiro estudo dessa tese (artigo I), foram avaliadas as alterações moleculares e metabólicas decorrentes da ação do UV-C no armazenamento e tomates cv. Flavortop, e suas relações com eventos influenciados pelo etileno. Para isso, realizaram-se os tratamentos: UV-C a 3,7 KJ/m2, 1-MCP (1-metilciclopropeno) a 2μL/L e 1-MCP+UV-C. Observou-se que, embora a radiação UV-C estimule a produção de etileno ocorreu retardo no desenvolvimento da coloração dos frutos. Houve também redução da firmeza de polpa independente dos tratamentos, porém em menor intensidade nos frutos submetidos à aplicação de 1-MCP. Em geral, houve aumento no acúmulo de transcritos de todos os genes estudados um dia após o tratamento com UV-C, enquanto que o tratamento com 1-MCP impediu esse incremento imediato. O teor de poliaminas em frutos tratados com UV-C foi mais elevado quando comparado aos demais tratamentos, sugerindo uma possível relação entre essas moléculas e o retardo do amadurecimento. No segundo estudo da tese (artigo II), foram mapeados locos de características quantitativas (QTLs) dos principais parâmetros da textura da maçã, que é um dos atributos de qualidade que mais influencia o consumo desse fruto. Nessa abordagem, frutos foram colhidos em dois estágios de maturação, precoce e ótimo, e avaliados na colheita e após dois meses de armazenamento refrigerado a 1,5 °C ± 80% de umidade relativa nas safras de 2007 e 2011. A população analisada(F1)é oriunda de um cruzamento entre os genótipos X3259 e X3263. A fenotipagem foi feita através de análise sensorial, por medições instrumentais (penetrometria e compressão) e por análise histológica. Um mapa genético com 17 grupos de ligação já estava disponível para esse cruzamento. Foram mapeados 19 QTLs em seis grupos de ligação (LG01, LG02, LG07, LG10, LG11 e LG16)do mapa genético integrado. A percentagem da variação fenotípica (R2) oscilou entre 8,7% e 67,6%para as variáveis analisadas. Algumas das regiões onde os QTLs foram encontrados estão co-localizadas com genes candidatos já mapeados e disponíveis na literatura. A partir dos resultados obtidos nos dois estudos, verificou-se que: 1) a radiação UV-C atua em nível molecular, desencadeando diferentes respostas bioquímico-fisiológicas nos frutos, especialmente na produção de etileno, o retardo do desenvolvimento da coloração e na biossíntese de poliaminas; 2) o mapeamento de QTLs fornece bases para a localização de genes candidatos que controlam determinantes estruturais da textura da maçã e oferece novas perspectivas para programas de melhoramento. Palavras-chave: Radiação UV-C. Etileno. Textura. Marcadores moleculares. Locos de características quantitativas.
Thesagro: Radiação
Etileno
Textura
Data Created: 2018-08-10
Appears in Collections:Tese/dissertação (CNPUV)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESEALINETIECHER.pdf4,37 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace