Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1104099
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Agrossilvipastoril - Capítulo em livro científico (ALICE)
Date Issued: 2019
Type of Material: Capítulo em livro científico (ALICE)
Authors: MENEZES JUNIOR, J. A. de
SILVA, K. J. D. e
ROCHA, M. de M.
Additional Information: JOSE ANGELO NOGUEIRA DE M JUNIOR, CPAMN; KAESEL JACKSON DAMASCENO E SILVA, CPAMN; MAURISRAEL DE MOURA ROCHA, CPAMN.
Title: Feijão-mungo como perspectiva para a safrinha em Mato Grosso.
Publisher: In: FARIAS NETO, A. L. de; NASCIMENTO, A. F. do; ROSSONI, A. L.; MAGALHÃES, C. A. de S.; ITUASSU, D. R.; HOOGERHEIDE, E. S. S.; IKEDA, F. S.; FERNANDES JUNIOR, F.; FARIA, G. R.; ISERNHAGEN, I.; VENDRUSCULO, L. G.; MORALES, M. M.; CARNEVALLI, R. A. (Ed.). Embrapa Agrossilvipastoril: primeiras contribuições para o desenvolvimento de uma agropecuária sustentável. Brasília, DF: Embrapa, 2019. pt. 8, cap. 16, p. 635-640.
Language: pt_BR
Keywords: Feijao-mungo
Mato Grosso
Nova Ubirata-MT
Primavera do Leste-MT
Sorriso-MT
Description: O feijão-mungo (Vigna radiata L.), conhecido no Brasil pelo nome comum de mungo-verde é uma leguminosa anual, de porte ereto/semiereto, que permite a mecanização da lavoura, com aproveitamento do mesmo maquinário utilizado na cultura da soja. Seu cultivo e consumo são comuns no continente asiático, estando entre os ?pulses? de maior demanda. No Brasil, ainda não é muito difundido, contudo o consumo na forma de broto é bastante frequente (Vieira et al., 2003). Na literatura, são encontrados relatos de que o broto de feijão-mungo tem propriedades como antiestresse (Yeap et al., 2014), anti-inflamatório (Ali et al., 2014), antioxidante e hepatoprotetor (Ali et al., 2013). Em Mato Grosso, normalmente, os produtores não conseguem preencher as áreas de cultivo na segunda safra (safrinha) após o término do período ideal de semeadura da cultura do milho. Diante da disponibilidade de área, principalmente quando ocorrem atrasos na semeadura da primeira safra, culturas como o feijão-caupi, por apresentar período de semeadura mais extenso que o milho, tem ocupado este espaço com bastante sucesso. Considerando uma maior diversificação de produtos e mais opções de cultivo para o período de safrinha em Mato Grosso, semelhante ao feijão-caupi, o feijão-mungo apresenta-se como uma boa opção, principalmente por permitir a colheita mecanizada e por apresentar ciclo de maturação curto. A colheita de feijão-mungo tem sido realizada com cerca de 65 dias em regiões de clima quente (Duque; Pessanha, 1990; Vieira et al., 2003) e no período de safrinha em Mato Grosso é comum a ocorrência de altas temperaturas. Tendo em vista a possibilidade de exportação desta leguminosa para países da Ásia e a possibilidade de cultivo em grande escala em Mato Grosso, a Embrapa vem conduzido experimentos para teste de linhagens de feijão-mungo com objetivo de recomendar cultivares para a safrinha em Mato Grosso.
Thesagro: Feijão
Safrinha
Entressafra
Data Created: 2019-01-15
Appears in Collections:Capítulo em livro científico (CPAMT)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019cpamtagrossilvipastorilpart8cap16feijaomungoperspectivasafrinhamatogrossop635640.pdf514,05 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace