Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1107229
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Acre - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2018
Type of Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Authors: FONSECA, F. L. da
CARTAXO, C. B. da C.
WADT, L. H. de O.
Additional Information: FERNANDA LOPES DA FONSECA, CPAF-AC; CLEISA BRASIL DA CUNHA CARTAXO, CPAF-AC; LUCIA HELENA DE OLIVEIRA WADT, CPAF-RO.
Title: Manejo de castanhais nativos no Acre: aspectos ecológicos, econômicos e sociais.
Publisher: In: INTERNATIONAL CONFERENCE AGRICULTURE AND FOOD IN A URBANIZING SOCIETY, 3., 2018, Porto Alegre. Anais... Porto Alegre: UFRGS, 2018.
Pages: 9 p.
Language: pt_BR
Keywords: Castanha do brasil
Manejo florestal
Sociobiodiversidade
Nuez del Brasil
Silvicultura sustentable
Biodiversidad
Explotación agrícola familiar
Acre
Amazônia Ocidental
Western Amazon
Amazonia Occidental
Description: O sistema de produção da castanha-do-brasil (Bertholletia excelsa) apresenta importante valor para a manutenção dos meios de vida de produtores e comunidades extrativistas da Amazônia. Está associado à conservação da floresta uma vez que quase toda a castanha comercializada no mundo é coletada de florestas naturais. Este trabalho tem como objetivo demonstrar a importância do manejo de castanhais nativos realizado por extrativistas no Estado do Acre. Tendo como eixo central a afirmação de que a castanha-do-brasil desempenha um papel chave na região a partir da inclusão sócio produtiva de comunidades extrativistas, são abordados elementos de reflexão sobre o paradigma do uso e conservação da sociobiodiversidade. O trabalho fornece informações sobre aspectos da atividade de manejo de castanhais nativos do Acre, a partir da abordagem de três dimensões: ecológica, econômica e social. A produção de castanha-do-brasil no estado do Acre é uma atividade tradicional que representa uma das principais fontes de renda para muitas famílias extrativistas. O estado liderou a produção nacional de castanha-do-brasil em seis dos dez anos estudados. Nesse período, o extrativismo da castanha no Acre gerou, em média, recursos da ordem de R$ 13,3 milhões ao ano. A organização social da base produtiva é fator determinante para o desenvolvimento da cadeia no estado. Nesse sentido, destaca-se a atuação articulada entre comunidades, cooperativas e órgãos governamentais de pesquisa e fomento para a definição e divulgação de boas práticas de produção e formas de agregação de valor ao produto, promovendo melhorias na qualidade e consequentemente no mercado.
Thesagro: Sistema de Produção
Castanha do Para
Bertholletia Excelsa
Agricultura Familiar
NAL Thesaurus: Brazil nuts
Sustainable forestry
Biodiversity
Family farms
Data Created: 2019-03-19
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CPAF-AC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
26786.pdf398,82 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace