Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1111429
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Territorial - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2019
Type of Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Authors: HYSLOP, K.
GALDINO, S.
TOSTO, S. G.
QUARTAROLI, C. F.
Additional Information: KEVIN HYSLOP, BOLSISTA CNPM; SERGIO GALDINO, CNPM; SERGIO GOMES TOSTO, CNPM; CARLOS FERNANDO QUARTAROLI, CNPM.
Title: Estimativa do fator topográfico da Equação Universal de Perda de Solo (usle) utilizando o InVest, na bacia Piririm, Amapá.
Publisher: In: CONGRESSO INTERINSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA 13., 2019, Campinas. Anais... Campinas: Instituto Agronômico (IAC), 2019.
Pages: 11 p.
Language: pt_BR
Keywords: Geotecnologia
Declividade
Serviços ecossistêmicos
Description: O objetivo deste trabalho foi delimitar a bacia hidrográfica do rio Piririm, no estado do Amapá, bem como calcular o fator topográfico (LS) da Universal Soil Loss Equation (USLE), utilizando o software InVEST (Integrated Valuation of Ecossystem Services and Tradeoffs). Essa bacia é uma das áreas de estudo do projeto ?Construção do conhecimento e sistematização de experiências sobre valoração e pagamento por serviços ecossistêmicos e ambientais no contexto agricultura familiar amazônica (Aseam)?. A bacia foi delimitada utilizando sistema de informações geográficas (SIG) com base em modelo digital de terreno (MDT) de resolução espacial de 2,5 m. Os arquivos foram trabalhados no SIG ArcGIS 10.6.1 e no software InVEST 3.6.0, utilizando a extensão ArcHydro Tools e a ferramenta DelineateIT, respectivamente. O fator topográfico da USLE foi mapeado utilizando o módulo SDR (Sediment Delivery Ratio) do InVEST. O InVEST possibilitou a delimitação da bacia do Rio Piririm de forma simples e com alta precisão. O módulo SDR estimou o fator topográfico (LS) da USLE com a vantagem de ser um software livre e com grande potencial de valoração para serviços ambientais e ecossistêmicos. A média do fator LS na bacia foi de 0,787, enquanto o maior valor computado foi de 97,494. As áreas com maiores valores de LS apresentam maior risco de erosão hídrica e, portanto, seu manejo deve ser mais criterioso. O software InVEST atendeu as demandas propostas neste trabalho e apresenta grande potencial para alcançar os objetivos previstos no projeto Aseam, financiado pelo Fundo Amazônia
Thesagro: Sistema de Informação Geográfica
Data Created: 2019-08-19
ISBN: 978-85-7029-149-3
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CNPM)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
5079.pdf1,72 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace