Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1114063
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Florestas - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Date Issued: 2019
Type of Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Authors: BROTTO, M. L.
UHLMANN, A.
BLUM, C. T.
RODERJAN, C. V.
Additional Information: Marcelo Leandro Brotto, Museu Botânico Municipal de Curitiba; ALEXANDRE UHLMANN, CNPF; Christopher Thomas Blum, Museu Botânico Municipal de Curitiba; Carlos Vellozo Roderjan, UFPR.
Title: Riqueza e endemismo de Lauraceae no Paraná: aspectos fitogeográficos e áreas prioritárias para a conservação.
Publisher: Rodriguésia, v. 70, e03032017, 2019. 14 p.
Language: pt_BR
Keywords: Áreas prioritárias
Complementaridade
Endemismo
Mata Atlântica
Priority areas
Complementarity
Endemism
Atlantic Forest
Description: Lauraceae está entre as três principais famílias do componente arbóreo das florestas no Paraná, sendo elemento frequente nos estudos fitossociológicos e biogeográficos. Apesar disso, a família continua insuficientemente conhecida no estado. Nossos objetivos foram: reconhecer as espécies de Lauraceae no Paraná, relacionando-as com as unidades fitogeográficas; mapear as regiões com maior riqueza de espécies e concentração de endemismos; identificar áreas de complementaridade e compará-las com as áreas prioritárias para conservação. Para isso, nós utilizamos registros de coleções de 23 herbários nacionais, totalizando 3.332 espécimes analisados, plotando suas coordenadas no mapa fitogeográfico do estado. Constatamos que no Paraná ocorrem 76 espécies, das quais onze são citadas pela primeira vez no estado. A Floresta Ombrófila Densa abrange o maior número de espécies (59 spp.), seguida pela Floresta Ombrófila Mista (31 spp.), Floresta Estacional Semidecidual (23 spp.), Savana (9 spp.) e Estepe (2 spp.). As regiões da Serra do Mar e Vale do Ribeira apresentam a maior riqueza e endemismo. O Parque Estadual das Lauráceas é uma unidade de conservação estratégica, pois abriga dois terços das espécies paranaenses, com sete endêmicas.
Thesagro: Biogeografia
NAL Thesaurus: Biogeography
Data Created: 2019-11-08
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CNPF)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019A.UhlmannRRiqueza.pdf2 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace