Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1122176
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Acre - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Date Issued: 2020
Type of Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Authors: FERREIRA, A. B.
MING, L. C.
HAVERROTH, M.
LIMA, M. S. de
NASCIMENTO, M. M. do
Additional Information: Almecina Balbino Ferreira, Universidade Federal do Acre (Ufac); Lin Chau Ming, Universidade Estadual Paulista; MOACIR HAVERROTH, CPAF-AC; Marilene Santos de Lima, Universidade Federal do Acre (Ufac); Matheus Matos do Nascimento, Universidade Federal do Acre (Ufac).
Title: Manejo de variedades locais de Dioscorea spp. em comunidades tradicionais da Baixada Cuiabana em Mato Grosso, Brasil.
Publisher: Scientia Naturalis, v. 2, n. 1, p. 204-219, 2020.
Language: Portugues
Keywords: Cará
Ñames
Plantación
Explotación agrícola familiar
Baixada Cuiabana (MT)
Mato Grosso
Description: As dioscoreáceas constituem uma importante fonte alimentar e estão distribuídas nas regiões tropicais e subtropicais de todo o mundo. O objetivo desta pesquisa foi realizar um estudo etnobotânico sobre as variedades de cará (Dioscorea spp.) cultivadas por agricultores de oito municípios da Baixada Cuiabana, em Mato Grosso, com o intuito de verificar as espécies mantidas por eles e suas diversidades, nomes populares das variedades e o sistema de produção da cultura como: preparo das túberas-sementes, manejo da cultura, preparo do solo, plantio, tratos culturais e comercialização. Foram entrevistados 48 agricultores que cultivam o cará e anotados os nomes populares que estes dão às variedades do tubérculo. Foram encontradas três espécies: Dioscorea alata, D. trifida e D. bulbifera. O cultivo do cará é feito no sistema de ?roça de toco?. O preparo das túberas-sementes varia de acordo com cada espécie, sendo que, das 3 espécies encontradas, 55% são plantadas partidas e 45% inteiras. A organização e destino da produção acontecem nas comunidades, onde grande parte é destinada à alimentação familiar e o excedente é para a venda direta para consumidores ou via intermediários e aqueles que produzem exclusivamente para a venda. The yam is an important food source and are distributed worldwide in tropical, subtropical and temperate regions. The objective of this research was to conduct an ethnobotanical study on yam (Dioscorea spp.) varieties grown by farmers from eight municipalities of the Baixada Cuiabana, in Mato Grosso State, in order to verify the species kept by them and their diversity, popular names of the varieties and the crop?s production system, such as: seed tubers management, crop management, soil tillage, planting, cultivation and marketing. We interviewed 48 farmers, taking note of the popular names given to the yam varieties. Three species were found in the studied area: Dioscorea alata, D. trifida and D. bulbifera. The cultivation of yams is done on a "slash and burn" agriculture system. The preparation of the seed tubers varies with each species, whereas 55% are planted after being cut and 45% as whole tubers. The organization of production and destination occur in the communities, where most of it is destined for the families own consumption and the surplus is for sale directly to consumers or via intermediaries.
Thesagro: Inhame
Dioscorea Bulbifera
Plantio
Agricultura Familiar
Etnobôtanica
NAL Thesaurus: Yams
Dioscorea alata
Dioscorea trifida
Planting
Family farms
Ethnobotany
Data Created: 2020-05-08
ISSN: 2596-1640
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CPAF-AC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
26994.pdf261,71 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace