Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1135320
Title: Filmes a base de fibroína para revestimento de fertilizantes.
Authors: SOARES, S.
BORTOLETTO-SANTOS, R.
CAVICCHIOLI, M.
RIBEIRO, S. J. L.
POLITO, W. L.
FARINAS, C. S.
Affiliation: CRISTIANE SANCHEZ FARINAS, CNPDIA.
Date Issued: 2021
Citation: In: JORNADA CIENTÍFICA - EMBRAPA SÃO CARLOS, 13., 2021, São Carlos, SP. Anais... São Carlos: Embrapa Pecuária Sudeste: Embrapa Instrumentação, 2021. Editores técnicos: Alexandre Berndt, Ana Rita de Araujo Nogueira, Lea Chapaval Andri, Marcelo Mattos Cavallari, Manuel Antonio Chagas Jacinto.
Description: A fibroína de seda (FS) é um material amplamente utilizado na indústria têxtil e na área médica, devido à sua biodegradabilidade, biocompatibilidade, e adequadas propriedades mecânicas e físico-químicas. A FS pode ser extraída a partir do casulo do bicho-da-seda da Bombix mori, de modo que a fibroína e a sericina são polímeros naturais que permitem versatilidade em aplicações. O Brasil está entre os principais países produtores, alcançando a quinta colocação no cenário mundial e rendendo cerca de 2,5 milhões de dólares apenas no ano de 2017. No entanto, no âmbito têxtil e tendo em vista a elevada produção e exigência sobre o grau de pureza dos materiais, os casulos de baixa qualidade são considerados inadequados, sendo pouco reutilizados ou descartados. Dessa maneira, uma alternativa é a possibilidade de usar a fibroína extraída dos casulos de baixa qualidade como revestimento de fertilizantes, visando controlar a taxa de liberação e minimizar perdas. Dentre os principais nutrientes exigidos pelas plantas, o fósforo (P) se destaca por apresentar papel importante nos processos celulares e energéticos. Portanto, o trabalho teve como objetivo investigar a aplicação de filmes de fibroína (modificado ou não com hidrotalcita) para revestimento do fertilizante monoamônio fosfato (MAP). A fibroína foi extraída dos casulos do bicho-da-seda e solubilizada em solução ternária (CaCl2:EtOH:H2O, proporção 1:2:8). A determinação do ponto isoelétrico da solução (pH = 3,9) mostrou que a variação de pH tem efeito direto na interação da fibroína com a hidrotalcita. Também, foi possível obter filmes homogêneos e finos a base de fibroína, no entanto, os filmes contendo apenas FS e hidrotalcita apresentaram-se quebradiços. Por outro lado, a adição de uma matriz de amido permitiu formar filmes com propriedades interessantes para aplicação como revestimento dos grânulos fertilizantes. Como etapa futura do estudo será avaliada a liberação dos grânulos de MAP revestidos, visando quantificar os parâmetros cinéticos.
Keywords: Biodegradabilidade
Bombix mori
ISSN: 1980-6841
Language: Portugues
Type of Material: Anais e Proceedings de eventos
Access: openAccess
Appears in Collections:Resumo em anais de congresso (CNPDIA)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
P-Filmes-a-base-de-fibroina-para-revestimento-de-fertilizantes.pdf66,65 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace