Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/282154
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Florestas - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 1996
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: RESENDE, M. D. V. de
PRATES, D. F.
YAMADA, C. K.
JESUS, A. de
Informaçães Adicionais: RESENDE, pesquisador Embrapa-CNPF, Prates, academico de Estatistica , Setor de Ciencias Exatas da UFPR, Yamada e Jesus, academicos de Ciencia de computacao, Setor de Ciencias Exatas, PUC-PR.
Título: Estimação de componentes de variância e predição de valores genéticos pelo método da máxima verossimilhança restrita (Reml) e melhor predição linear não viciada (Blup) em Pinus.
Fonte/Imprenta: Boletim de Pesquisa Florestal, Colombo, n. 32/33, p. 23-42, jan./dez. 1996.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Maxima verossimilhanca
Inferencia estatistica
Modelos mistos
Parametros geneticos
Maximum likelihood
Statistical inference
Mixed models
Genetic parameters
Conteúdo: Foram comparados três procedimentos de estimação de componentes de variância visando a predição de valores genéticos: quadrados mínimos (LS), máxima verossimilhança (ML) e máxima verossimilhança restrita (REML). A estimação pelo método ML apresentou convergência mais rápida do que pelo método REML. As herdabilidades obtidas pelos métodos ML e REML foram bastante similares e de magnitudes superiores à obtida pelo método LS. O procedimento REML, embora computacionalmente mais complicado, foi o mais preciso. A seleção e estimação de ganhos genéticos devem ser realizadas a partir do procedimento REML iteragindo nas equações de modelo misto (BLUP).
Ano de Publicação: 1997-07-17
ISSN: 0101-1057
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CNPF)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
mresende1.pdf370,67 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace