Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/282187
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorMEDEIROS, A. C. de S.pt_BR
dc.contributor.authorZANON, A.pt_BR
dc.contributor.otherMedeiros, Pesquisador da Embrapa Florestas; Zanon, A. ex-pesquisador.pt_BR
dc.date.accessioned2011-04-10T11:11:11Zpt_BR
dc.date.available2011-04-10T11:11:11Zpt_BR
dc.date.created2000-02-28pt_BR
dc.date.issued1998pt_BR
dc.identifier.issn0101-1057pt_BR
dc.identifier.other4947pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/282187pt_BR
dc.descriptionEsta pesquisa teve como objetivo estudar a conservação das sementes de duas espécies nativas, branquilho (Sebastiania commersoniana) e pinheiro-bravo (Podocarpus lambertii), selecionadas pelo potencial de uso na recuperação de ecossistemas degradados. Utilizaram-se dois tipos de embalagens (permeável e semi-permeável) e armazenamento por 360 dias, em três ambientes: sala de laboratório (sem controle ambiental), câmara fria (4 ± 1°C e 84 ± 2%UR) e câmara seca (14 ± 1°C e 38 ± 2%UR). Os experimentos foram instalados em delineamento inteiramente casualizado, com 4 repetições, e tratamentos compostos por combinações de 2 tipos de embalagens e 3 ambientes. A cada 30 dias de armazenamento, as sementes foram retiradas do respectivo ambiente e determinados o seu poder germinativo e grau de umidade. Para as sementes de branquilho, não foi observada diferença significativa entre a conservação em câmara fria com embalagem semi-permeável e a conservação em câmara seca e embalagem permeável, ao final de 360 dias. Estas condições foram significativamente superiores ao armazenamento das sementes de branquilho em ambiente de sala de laboratório, independente do tipo de embalagem. No caso do pinheiro-bravo, o melhor tratamento foi a câmara fria e embalagem semi-permeável. A câmara seca e embalagem permeável, surge como alternativa, permitindo a conservação pelo prazo de 180 dias.pt_BR
dc.description.uribitstream/item/29856/1/medeiros3.pdfpt_BR
dc.languagept_BRpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherBoletim de Pesquisa Florestal, Colombo, n. 36, p. 57-69, jan./jun. 1998.pt_BR
dc.relation.ispartofEmbrapa Florestas - Artigo em periódico indexado (ALICE)pt_BR
dc.subjectIndigenous organisms.pt_BR
dc.titleConservação de sementes de Branquilho (Sebastiania commersoniana (Baillon) L.B. Smith & R.J. Down.) e de pinheiro-bravo (Podocarpus lambertii Klotzch ex e NDL.) armazenadas em diferentes ambientes.pt_BR
dc.typeArtigo em periódico indexado (ALICE)pt_BR
dc.date.updated2015-02-11T11:11:11Zpt_BR
dc.subject.thesagroArmazenamentopt_BR
dc.subject.thesagroEmbalagempt_BR
dc.subject.thesagroEspécie Nativa.pt_BR
dc.subject.nalthesaurusforest treespt_BR
dc.subject.nalthesauruspackagingpt_BR
dc.subject.nalthesaurusseed storage.pt_BR
dc.ainfo.id282187pt_BR
dc.ainfo.lastupdate2015-02-11pt_BR
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CNPF)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
medeiros3.pdf165,96 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace