Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/468848
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Soja - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 2007
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: ZAMBENEDETTI, E. B.
ALVES, E.
POZZA, E. A.
ARAÚJO, D. V. de
GODOY, C. V.
Informaçães Adicionais: ELISANDRA BATISTA ZAMBENEDETTII, UFLA/CNPq; EDUARDO ALVES, UFLA; EDSON AMPÉLIO POZZA, UFLA; DEJÂNIA VIDIRA DE ARAÚJO, UFLA; CLAUDIA VIEIRA GODOY, CNPSO.
Título: Avaliação de parâmetros monocíclicos e da densidade da ferrugem asiática (Phakopsora pachyrhizi) em diferentes genótipos de soja e posições de copa.
Fonte/Imprenta: Summa Phytopathologica, Botucatu, v. 33, n. 2, p. 178-181, abr./jun. 2007.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Glycines max (L.) Merrill
Progresso de doença
Conteúdo: RESUMO: A ferrugem da soja destacou-se nas últimas safras devido à alta severidade que vem causando nas lavouras de soja. Diversos estudos estão em andamento, para buscar informações sobre a resistência genética dos cultivares atualmente plantados. O objetivo do trabalho foi estudar parâmetros monocíclicos e o progresso da ferrugem da soja em diferentes genótipos e posições da copa, em casa-de-vegetação. Foram utilizados 7 cultivares (Uirapuru e BRS 134 Pintado, BRS 134, BRS 154, BRS 215, FT 2, BRS 231) e uma PI 459025 com gene de resistência Rpp4, inoculados com suspensão de esporos de Phakopsora pachyrhizi. Foram estudados para cada genótipos os períodos de incubação e latente. A avaliação de incidência da ferrugem foi realizada na planta toda e da severidade a partir do aparecimento dos sintomas, a cada cinco dias, até o declínio das plantas em três posições na copa. Os valores foram transformados em área abaixo da curva de progresso da incidência (AACPI) e da severidade (AACPS) da doença. O período de incubação foi de seis dias para todos genótipos avaliados. Entretanto, o período latente variou de 6 a 12 dias. Houve diferença significativa entre os cultivares para AACPI. Os cultivares BRS 134, FT 2 e BRS 231 apresentaram maior valor de AACPI, diferenciando dos demais cultivares. Entre os cultivares com menor valor de AACPI destacou-se a PI 459025. Variação na intensidade da doença nos 8 genótipos avaliados, em relação à posição da copa, só pode ser observada para o terço média da planta. ABSTRACT: Soybean rust caused by the fungus Phakopsora pachyrhizi, has been known to drastically reduce yields. Diverse studies are now in progress, to search information on the genetic resistance of cultivar currently planted. The objective of this study was to evaluate the both incubation and latent period and the progress of soybean rust on several genotypes and three canopy position in greenhouse. The cultivars used were Uirapuru, BRS 134 Pintado, BRS 154, BRS 215, BRS 231, FT 2 and PI 459025 with a Ppp4 gene of resistance for soybean rust. Inoculations were performed by spraying inoculum suspension on the leaves. Disease incidence and severity were assessed every five days after the first disease symptoms were observed until plants were dead. The incubation period was six days for all genotypes evaluated. However, the latent period varied from six to twelve days. The incidence and severity values were transformed in proportion as the area under the disease incidence curve (AUDIC) and area under the disease severity curve (AUDSC). The cultivars BRS 134 Pintado, FT 2 and BRS 231 showed high values for AUDIC and were significant different from the others. PI 459025 showed the lowest value for AUDIC. AUDSC for PI 459025 cultivar was the lowest and FT 2 showed the highest value. Difference from disease intensity on eight genotypes, in function of the canopy position, only was observe to plant medium part.
Ano de Publicação: 2007-06-13
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CNPSO)


FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace