Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/469300
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorMOSCARDI, F.
dc.date.accessioned2018-06-24T00:54:29Z-
dc.date.available2018-06-24T00:54:29Z-
dc.date.created2003-12-08
dc.date.issued2003
dc.identifier.citationCiência & Ambiente, Santa Maria, v. 27, p. 68-84, jul./dez. 2003.
dc.identifier.issn1676-4188
dc.identifier.urihttp://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/469300-
dc.descriptionA sustentabilidade ecológica de sistemas agrícolas, face à predominância em várias regiões do Brasil, de áreas extensivas de monocultivos para a produção de grãos, tem-se tornado uma preocupação crescente dos setores envolvidos, principalmente os de pesquisa e desenvolvimento tecnológico, de assistência técnica, de organizações não governamentais e mais recentemente da sociedade em geral. Nesse contexto, o controle de pragas tem sido realizado, predominantemente, com o emprego de insumos químicos, na maioria de amplo espectro de ação e elevada toxicidade ao homem, a outros vertebrados e à fauna benéfica extensiva. Além disso, o uso desses produtos pode implicar contaminação do solo e de águas. Portanto, torna-se relevante discutir técnicas que possam ser empregadas em sistemas de cultivo extensivo, de forma a minimizar os impactos negativos ao ambiente, decorrentes de práticas de controle de pragas.
dc.languagept_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsopenAccesspt_BR
dc.subjectControle de pragas
dc.subjectManejo integrado de pragas
dc.titleO controle de pragas agrícolas e a sustentabilidade ecológica.
dc.typeArtigo de periódico
dc.date.updated2018-06-24T00:54:29Zpt_BR
dc.contributor.institutionFLÁVIO MOSCARDI, CNPSo.
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CNPSO)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
cienciaambiente.pdf1,39 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace