Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/47174
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Pecuária Sudeste - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Date Issued: 2005
Type of Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Authors: LOURES, D. R. S.
NUSSIO, G. L.
PAZIANI, S. de F.
PEDROSO, A. de F.
MARI, J. L.
RIBEIRO, J. L.
ZOPOLLATTO, M.
SCHMIDT, P.
JUNQUEIRA, M. C.
PACKER, I. U.
CAMPOS, F, P. de
Additional Information: Daniele Rebouças Santana Loures; Luiz Gustavo Nussio; Solidete de Fátima Paziani; ANDRE DE FARIA PEDROSO, CPPSE; Lucas José Mari; José Leonardo Ribeiro; Maity Zopollatto; Patrick Schmidt; Marta Coimbra Junqueira; Irineu Umberto Packer; Fábio Prudêncio de Campos.
Title: Composição bromatológica e produção de efluente de silagens de capim-Tanzânia sob efeitos do emurchecimento, do tamanho de partícula e do uso de aditivos biológicos.
Publisher: Revista Brasileira de Zootecnia, v. 34, n. 3, p. 726-735, 2005.
Language: pt_BR
Keywords: Enzimas
Gramíneas tropicais
Perdas.
Description: O presente trabalho foi conduzido para se avaliar o efeito do emurchecimento, da redução do tamanho das partículas e da adição de enzimas fibrolíticas (com ou sem inoculante bacteriano Lactobacillus plantarum) sobre a composição bromatológica da silagem e a produção de efluente em silagens de capim-tanzânia (Panicum maximum Jacq. cv. Tanzânia). A forragem foi cortada aos 45 dias de crescimento vegetativo e armazenada em silos experimentais (50 L) durante 136 dias. O efluente foi coletado e quantificado no 1o, 2o, 7o, 14o, 21o, 60o, 90o e 136o dias de armazenamento. A adição de enzimas fibrolíticas, associadas ou não ao inoculante bacteriano, promoveu redução da fração fibrosa (FDN, FDA, celulose e hemicelulose), que foi mais acentuada nas silagens emurchecidas. Contudo, não houve aumento da digestibilidade in vitro da MS com a adição de enzimas fibrolíticas. Embora tenha havido diferenças no tamanho de partícula, a amplitude alcançada não foi suficiente para provocar alterações significativas na composição química e no efluente das silagens. Observou-se que a quantidade total de efluente produzida foi maior (250L/t forragem ensilada) em silagens não-emurchecidas e esporádica nas emurchecidas. A adição de enzimas com ou sem inoculante bacteriano não aumentou as perdas por efluente. Os valores médios de DBO (11.289 mg/L), DQO (36.279 mg/L), DQO/DBO (3,35), pH (4,9) e de sólidos totais (34.395 mg/L) e sólidos totais fixos (16.533 mg/L) foram observados no efluente das silagens não-emurchecidas. As silagens não-emurchecidas apresentaram efluente com elevado potencial poluidor para o meio ambiente.
Thesagro: Conservação
Ensilagem.
Data Created: 2005-08-18
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CPPSE)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PROCIAdeFP2005.00101.pdf64,83 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace