Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/48046
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Pecuária Sudeste - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Date Issued: 2007
Type of Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Authors: SCHMIDT, P.
MARI, L. J.
NUSSIO, L. G.
PEDROSO, A. de F.
PAZIANI, S. de F.
WECHSLER, F. S.
Additional Information: Patrick Schmidt - USP/ESALQ; Lucas J. Mari - USP/ESALQ; Luiz G. Nussio - USP/ ESALQ; ANDRE DE FARIA PEDROSO, CPPSE; Solidete F. Paziane - APTA; Francisco Stefano Wechler - UNESP/Botucatu.
Title: Aditivos químicos e biológicos na ensilagem de cana-de-açúcar. 1. Composição química das silagens, ingestão, digestibilidade e comportamento ingestivo.
Publisher: Revista Brasileira de Zootecnia, v. 36, n. 5 (Supl.), p.1666-1675, 2007.
Language: pt_BR
Keywords: Benzoato de sódio
Etano.
Description: Avaliou-se o efeito da inclusão de aditivos na ensilagem de cana-de-açúcar (Saccharum officinarum L.) sobre a composição químico-bromatológica das silagens, o Comportamento ingestivo, o consumo voluntário e a digestibilidade em bovinos de corte. Utilizaram-se cinco novilhos da raça Nelore providos de cânula ruminal, alocados em delineamento quadrado latino 5 × 5 e alimentados com dietas com 65% de volumoso na MS. Foram avaliadas cinco silagens (base úmida): controle - cana-de-açúcar sem aditivos; uréia - cana-de-açúcar + 0,5% uréia; benzoato - cana-de-açúcar + 0,1% de benzoato de sódio; LP - cana-de-açúcar inoculada com Lactobacillus plantarum (1 × 106 ufc/g MV); LB - cana-de-açúcar inoculada com L. buchneri (3,6 × 105 ufc/g forragem). A forragem foi armazenada em silos do tipo poço por 90 dias antes do fornecimento aos animais. A composição químico-bromatológica da cana-de-açúcar foi alterada após a ensilagem, em relação à cana-de-açúcar original, com redução no teor de carboidratos solúveis e na digestibilidade in vitro e elevação relativa nos teores de FDN e FDA. Os teores de etanol (0,30% da MS) e ácidos orgânicos (0,99% de ácido lático e 2,31% de acético) foram baixos e semelhantes entre as silagens. Os aditivos aplicados na ensilagem não promoveram alterações no consumo e na digestibilidade aparente da MS (7,2 kg/dia e 63,6%, respectivamente). O comportamento ingestivo dos animais também não foi alterado, com tempos médios de 230,6; 519,6 e 672,8 minutos/dia despendidos com ingestão de ração, ruminação e ócio, respectivamente. Os aditivos acrescidos à cana-de-açúcar promoveram pequenas alterações na maioria das variáveis avaliadas.
Thesagro: Ácido Lático
Uréia.
NAL Thesaurus: Lactobacillus buchneri
Lactobacillus plantarum.
Data Created: 2007-10-30
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CPPSE)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PROCIAdeFP2007.00197.pdf68,23 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace