Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/502894
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorLEDO, F. J. da S.pt_BR
dc.contributor.authorCASALI, V. W. D.pt_BR
dc.contributor.authorCRUZ, C. D.pt_BR
dc.contributor.authorLEDO, C. A. da S.pt_BR
dc.contributor.otherFRANCISCO JOSE DA SILVA LEDO, CNPGL; Vicente Wagner Dias Casali, Universidade Federal de Viçosa; Cosme Damião Cruz, Universidade Federal de Viçosa; CARLOS ALBERTO DA SILVA LEDO, CNPMF.pt_BR
dc.date.accessioned2011-04-10T11:11:11Zpt_BR
dc.date.available2011-04-10T11:11:11Zpt_BR
dc.date.created2005-11-09pt_BR
dc.date.issued2001pt_BR
dc.identifier.issn0100-204X (impresso) / 1678-3921 (online)pt_BR
dc.identifier.other11743pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/502894pt_BR
dc.descriptionEste trabalho teve por objetivo estimar parâmetros genéticos em um dialelo de alface, segundo o método de Jinks & Hayman. O experimento foi conduzido em casa de vegetação, na Universidade Federal de Viçosa, no período de 20/10 a 12/12/96. O delineamento experimental adotado foi o de blocos casualizados, com três repetições. Utilizaram-se vasos com 4,5 dm3 de substrato e uma planta por vaso (parcela). Foram avaliadas seis cultivares de alface (Vitória de Verão, Nativa, Regina de Verão, Maravilha de Verão, Grand Rapids e Mimosa) e seus respectivos híbridos F1. Avaliaram-se os seguintes caracteres: matéria fresca da parte aérea (MFPA); matéria seca da parte aérea (MSPA), folhas (MSF) e raiz (MSR); número de folhas/planta (NUF); e comprimento do caule (CC). Foram detectadas evidências de epistasia nos caracteres MSPA, NUF e CC. Na MFPA a variação de natureza aditiva contribuiu predominantemente para a variabilidade genética observada entre pais e seus híbridos F1. Evidenciou-se a predominância de efeitos gênicos de dominância no controle gênico dos caracteres MSF e MSR. As estimativas do coeficiente de determinação genotípico no sentido amplo (^h2R) sobre MFPA, MSF e MSR foram de 0,84, 0,85 e 0,90, respectivamente, e restrito (^h2R) 0,66, 0,45 e 0,49.pt_BR
dc.description.uribitstream/item/111873/1/11743.pdfpt_BR
dc.languagept_BRpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherPesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, DF, v. 36, n. 3, p. 493-499, mar. 2001.pt_BR
dc.relation.ispartofEmbrapa Acre - Artigo em periódico indexado (ALICE)pt_BR
dc.subjectDialelo de alfacept_BR
dc.subjectMétodo de Jinks & Haymanpt_BR
dc.subjectJinks & Hayman's methodpt_BR
dc.subjectLactuca sativa Lpt_BR
dc.subjectTécnicas y protocolos genéticos.pt_BR
dc.subjectLechugapt_BR
dc.subjectFitomejoramientopt_BR
dc.subjectAnálisis de dialelospt_BR
dc.titleAnálise genética em um dialelo de alface.pt_BR
dc.typeArtigo em periódico indexado (ALICE)pt_BR
dc.date.updated2019-01-03T11:11:11Zpt_BR
dc.subject.thesagroMelhoramento genético vegetalpt_BR
dc.subject.thesagroAlface.pt_BR
dc.subject.nalthesaurusPlant breedingpt_BR
dc.subject.nalthesaurusLettucept_BR
dc.subject.nalthesaurusGenetic techniques and protocolspt_BR
dc.subject.nalthesaurusDiallel analysis.pt_BR
dc.ainfo.id502894pt_BR
dc.ainfo.lastupdate2019-01-03 -02:00:00pt_BR
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CPAF-AC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
11743.pdf334,12 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace