Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/507371
Title: Adaptabilidade e estabilidade de linhagens experimentais de soja selecionadas para caracteres agronômicos através de método uni-multivariado.
Authors: MAIA, M. C. C.
VELLO, N. A.
ROCHA, M. de M.
PINHEIRO, J. B.
SILVA JUNIOR, N. F. da
Affiliation: MARIA CLIDEANA CABRAL MAIA, CPAF-AC
NATAL ANTONIO VELLO, Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz
MAURISRAEL DE MOURA ROCHA, CPAMN
JOSÉ BALDIN PINHEIRO, Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz
NELSON FONSECA DA SILVA JUNIOR, Instituto Agronômico do Paraná.
Date Issued: 2006
Citation: Bragantia, Campinas, v. 65, n. 2, p. 215-226, 2006.
Description: Esta pesquisa visou estudar a interação entre genótipos e ambientes (G x E), a adaptabilidade e estabilidade fenotípica, com o uso do modelo biométrico AMMI (Additive Main Effects and Multiplicative Interaction Analysis), para avaliação da produtividade de grãos de linhagens experimentais (F10 e F11) de soja. O material envolveu três populações obtidas a partir de um dialelo parcial 4 x 4 com quatro genitores resistentes a insetos (IAC-100, Crokett, Lamar e D72-9601-1) e quatro cultivares adaptadas (BR-6, IAS-5, Davis, OCEPAR-4). Em F2 foram empregados três procedimentos distintos de seleção de plantas individuais: PCI, população formada a partir de plantas F2 obtidas com controle total de insetos; PRIM e PRIS formadas a partir de plantas F2 selecionadas para resistência a insetos mastigadores e sugadores respectivamente. De F3 a F11 foi praticada seleção entre progênies para produtividade de grãos e tolerância ao fotoperíodo. Foram desenvolvidos 24 experimentos delineados em blocos ao acaso com duas repetições subdivididas em conjuntos experimentais com testemunhas comuns, combinando as três populações e oito ambientes. Os ambientes (E1 a E8) combinaram dois locais (Anhembi, Areão), dois anos agrícolas (1999/2000, 2000/2001) e dois sistemas de manejo (controle intensivo de insetos ou CII e controle ecológico de insetos ou CEI). Os experimentos de 1999/2000 e 2000/2001 incluíram, respectivamente, 40 e 20 linhagens de uma população. Com base na produtividade de grãos, concluiu-se: o método AMMI evidenciou como linhagens F11 estáveis e produtivas, 70% da PCI, 65% da PRIS e 55% da PRIM; o local Anhembi destacou-se como de alta produtividade em todas as situações (três populações, dois anos e dois manejos; para as três populações, dentre os ambientes mais produtivos, o método AMMI destacou E1 (Anhembi, 1999/2000, CII) como de máxima estabilidade e E6 (Anhembi, 2000/2001, CEI) como de máxima instabilidade; para a capacidade de gerar linhagens superiores em adaptabilidade e estabilidade, sobressaíram-se os genitores IAC-100, D72-9601-1, BR-6, Davis e IAS-5; destaques especiais envolveram os cruzamentos do genitor IAC-100 com IAS-5, Davis, OCEPAR-4 e BR-6.
Thesagro: Soja
Glycine max
Rendimento
Características Agronômicas
Produtividade
NAL Thesaurus: Soybeans
Genotype-environment interaction
Agronomic traits
Crop yield
Keywords: Interação genótipo-ambiente
Estabilidade
Estability
Adaptabilidade
Adaptability
Método uni-multivariado
AMMI model
Interacción genotipo-ambiente
Rendimiento de los cultivos
Semillas de soja
ISSN: 1678-4499 (online)
Language: pt_BR
DOI: 10.1590/S0006-87052006000200004.
Type of Material: Artigo de periódico
Access: openAccess
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CPAF-AC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
16440.pdf100,28 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace