Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/512242
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Acre - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Date Issued: 2009
Type of Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Authors: VASCONCELOS, S. S.
HIGUCHI, N.
OLIVEIRA, M. V. N. d'.
Additional Information: Sumaia S. Vasconcelos, INPA; Niro Higuchi, INPA; MARCUS VINICIO NEVES D OLIVEIRA, CPAF-AC.
Title: Projeção da distribuição diamétrica de uma floresta explorada seletivamente na Amazônia Ocidental.
Publisher: Acta Amazônica, Manaus, v. 39, n. 1, p. 71-80, 2009.
Language: pt_BR
Keywords: Exploração seletiva
Selective logging
Cadeia de Markov
Modelo estocástico
Projeto de Colonização Pedro Peixoto
Acre
Amazônia Ocidental
Procesos estocásticos
Exploração madeireira
Amazonia occidental
Cadena de Márkov
Madera tropical
Medidas del árbol y del rodal
Modelos de simulación
Modelos matemáticos
Western amazon.
Description: Utilizando um modelo estocástico, foi projetada a distribuição diamétrica futura de uma floresta submetida à exploração seletiva de madeira na Amazônia Ocidental. Foram utilizados dados de cinco parcelas permanentes localizadas no PC Pedro Peixoto, no Acre. A primeira medição das parcelas ocorreu em 1996, a exploração florestal em 1997 e as re-medições em 1999 e 2001. A principal variável utilizada foi o diâmetro à altura do peito (DAP). A matriz de transição probabilística (Cadeia de Markov) foi utilizada para fazer a projeção da distribuição diamétrica do número de árvores sobreviventes nas classes diamétricas. O modelo foi primeiramente testado para fazer a projeção para 2001, tendo como base as observações de 1999 e seu passado imediato (1997). Quando comparadas às projeções feitas para 2001 e as medições de campo (2001), o teste Qui-quadrado mostrou que não houve diferença significativa entre freqüências esperadas e observadas na distribuição diamétrica (p=0,05). A projeção para 2005 indica que a taxa de mortalidade será próxima a de 2001, e se repetida a taxa de recrutamento em 2005 o total de árvores será maior que o observado em 2001. Esse comportamento da floresta indica que não existe um padrão definido para a dinâmica nas classes diamétricas em termos de mortalidade ou crescimento, apresentando um comportamento aleatório ou probabilístico, justificando a eficiência da Cadeia de Markov para projetar a dinâmica da floresta estudada, podendo auxiliar na determinação do ciclo de corte ou mostrando as tendências que a floresta de hoje apresentará em um futuro próximo.
Thesagro: Essência florestal
Diâmetro
Medição
Modelo matemático
Modelo de simulação.
NAL Thesaurus: Tropical wood
Tree and stand measurements
Mathematical models
Simulation models
Stochastic processes
Markov chain.
Data Created: 2009-09-18
ISSN: 0044-5967 (impresso)
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CPAF-AC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
22309.pdf675,2 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace