Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/578386
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Caprinos e Ovinos - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2009
Type of Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Authors: VINÍCIUS, M. A. S.
SALABERRY, S. R. S.
PINHEIRO, R. R.
OLIVEIRA, V. S. A.
ANDRIOLI, A.
BOMBONATO, N. G.
Additional Information: Instituto de Ciências Biomédicas, Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, MG.
Instituto de Ciências Biomédicas, Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, MG.
ALICE ANDRIOLI, CNPC
Instituto de Ciências Biomédicas, Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, MG.
RAYMUNDO RIZALDO PINHEIRO, CNPC
Instituto de Ciências Biomédicas, Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, MG.
Title: Ocorrência da infecção pelo vírus da artrite encefalite Caprina em Patos de Minas, Minas Gerais, Brasil.
Publisher: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE MEDICINA VETERINÁRIA, 36.; ENCONTRO BRASILEIRO DE MÉDICOS VETERINÁRIOS DAS FORÇAS ARMADAS, 1.; ENCONTRO DO COLÉGIO BRASILEIRO DE AQUICULTURA, 6.; ENCONTRO DE MEDICINA DE ANIMAIS AQUÁTICOS, 1.; ENCONTRO DOS MÉDICOS VETERINÁRIOS DA BAHIA, 68., 2009, Porto Seguro. Inovação e responsabilidade social: anais. Porto Seguro: SBMV, 2009. 3 f. 1 CD-ROM.
Language: pt_BR
Keywords: x.
Description: Com o objetivo de investigar a ocorrência da artrite encefalite caprina (CAE) em um capril leiteiro no município de Patos de Minas (MG), colheram-se amostras de sangue de 57 caprinos de idades variadas, ambos os sexos e sem raça definida. Realizou-se um questionário epidemiológico abordando os dados da propriedade, como os tipos de intalações e os manejos sanitário, alimentar e reprodutivo. As amostras foram encaminhadas para o Laboratório de Virologia da Embrapa Caprinos e Ovinos, Sobral (CE), onde se realizou o teste de imunodifusão em gel de ágar (IDGA) para a detecção de anticorpos anti-CAEV. A freqüência de anticorpos anti-CAEV em uma propriedade no município de Patos de Minas (MG) foi de 22,80% (13/57). O manejo incorreto favoreceu a ocorrência da CAE nesta propriedade. A presença de anticorpos anti-CAEV é um alerta para a necessidade de adoção de medidas preventivas, evitando a sua disseminação para outras propriedades e regiões.
Data Created: 2009-12-18
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CNPC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AACOcorrenciadainfeccao.pdf27,4 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace