Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/681601
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Amazônia Ocidental - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Date Issued: 2007
Type of Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Authors: MORAIS, R. R. de
GONÇALVES, J. F. de C.
SANTOS JÚNIOR, U. M. dos
DÜNISCH, O.
SANTOS, A. L. W. dos
Additional Information: RONALDO RIBEIRO DE MORAIS, CPAA; José Francisco de Carvalho Gonçalves, Inpa; Ulysses Moreira dos Santos Júnior, Inpa; Oliver Dünisch, Institute of Wood Biology and Wood Preservation; André Luis Wendt dos Santos, UniNilton Lins.
Title: Chloroplastid pigment contents and chlorophyll a fluorescence in Amazonian tropical three species.
Publisher: Revista Árvore, Viçosa, v. 31, n. 5, p. 959-966, set./out. 2007.
Language: en
Keywords: Espécies arbóreas
Description: As plantas respondem a mudanças nas condições de luz e na disponibilidade hídrica em termos da quantidade e composição dos pigmentos cloroplastídicos, o que afeta as propriedades fotossintéticas e, conseqüentemente, o acúmulo de biomassa das espécies. Assim, a concentração de pigmentos cloroplastídicos e a fluorescência da clorofila a de três espécies arbóreas (Bertholletia excelsa, Carapa guianensis e Dipteryx odorata) da Amazônia foi investigada em folhas sombreadas e não-sombreadas da copa das árvores e em dois períodos distintos de precipitação (chuvoso e seco). As concentrações de pigmentos foram determinadas por espectrofotometria e as variáveis de fluorescência, por meio de um fluorômetro portátil. Os resultados indicaram que as espécies estudadas exibiram maiores concentrações de Chl a, Chl b e Chltotal no período chuvoso, em comparação com o período seco, em especial em folhas de sombra. As maiores concentrações de carotenóides foram observadas em B. excelsa, em comparação com as folhas de C. guianensis e D. odorata. Nas folhas de B. excelsa e D. odorata, não foram encontradas diferenças significativas em relação à fotoquímica do fotossistema II (Fv/Fm), entre os períodos chuvoso e seco. Conclui-se que as três espécies respondem de modo diferente à variação da luz e às condições distintas de precipitação quanto à captura de luz, aspecto que deveria ser considerado no manejo de plantios florestais.
Thesagro: Bertholletia Excelsa
Carapa Guianensis
Clorofila
Dipteryx Odorata
NAL Thesaurus: Amazonia
Data Created: 2007-12-18
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CPAA)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
a20v31n5.pdf658,54 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace