Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/855514
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Amazônia Oriental - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Date Issued: 2009
Type of Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Authors: MACIEL, M. de N. M.
BASTOS, P. C. de O.
CARVALHO, J. O. P. de
WATRIN, O. dos S.
Additional Information: MARIA DE NAZARÉ MARTINS MACIEL, UFRA; PATRICIA CUNHA DE OLIVEIRA BASTOS, SECRETARIA DE URBANISMO DO ESTADO DO PARÁ; JOÃO OLEGÁRIO PEREIRA DE CARVALHO, CPATU; ORLANDO DOS SANTOS WATRIN, CPATU.
Title: Uso de imagens orbitais na estimativa de parâmetros estruturais de uma floresta primária no município de Paragominas, estado do Pará.
Publisher: Revista de Ciências Agrárias, Belém, PA, n. 52, p. 159-178, jul./dez. 2009.
Language: pt_BR
Keywords: Estrutura de floresta
Dados orbitais
Description: Esta pesquisa objetivou estimar parâmetros estruturais de uma floresta tropical primária localizada no município de Paragominas, Estado do Pará, através do estudo relacionando dados de campo e orbitais obtidos pelo satélite ETM+/LANDSAT-7. Procedeu-se à caracterização florísticaestrutural da floresta, através das variáveis biométricas: densidade das árvores, área basal, biomassa, volume e diversidade de espécies arbóreas, considerando indivíduos com DAP >10 cm. A partir da integração da imagem ETM+/Landsat-7 e dos dados de campo, foram feitos procedimentos estatísticos correlacionando o grau de dependência linear entre as variáveis biométricas e digitais, obtidas pelo Índice de Vegetação por Diferença Normalizada (NDVI) e reflectância das bandas ETM+ 3, ETM+ 4 e ETM+ 5. Foram realizadas análises de regressão Stepwise determinando, dentre as variáveis digitais estudadas, as que melhor explicassem cada variável biométrica. As imagens sintéticas resultantes da aplicação dos modelos de regressão ajustados para as variáveis biométricas foram classificadas pelo método de fatiamento, a partir das quais se geraram mapas temáticos do volume, da biomassa e da área basal da floresta. Os resultados mostraram a existência de correlação negativa entre as variáveis área basal, biomassa e volume e a digital NDVI. A estimativa de parâmetros biométricos com emprego de dados orbitais associados aos de campo apresentou-se eficiente.
Data Created: 2010-06-18
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CPATU)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
REVISTA52artigo142.pdf358,66 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace