Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/865156
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Informática Agropecuária - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2010
Type of Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Authors: ESQUERDO, J. C. D. M.
SILVA, J. dos S. V. da
BASOTTI, I. S.
ALMEIDA, C. G. F. de
Additional Information: JULIO CESAR DALLA MORA ESQUERDO, CNPTIA; JOAO DOS SANTOS VILA DA SILVA, CNPTIA; IVAN SHIEH BASOTTI, COTIL/UNICAMP; CAIO GUSMÃO FERRER DE ALMEIDA, COTIL/UNICAMP.
Title: Análise da adequação à legislação ambiental das APPs fluviais na bacia do rio Salobra, MS.
Publisher: In: SIMPÓSIO DE GEOTECNOLOGIAS NO PANTANAL, 3., 2010, Cáceres, MT. Anais... Campinas: Embrapa Informática Agropecuária; São José dos Campos: INPE, 2010.
Pages: p. 683-690.
Language: pt_BR
Notes: Geopantanal 2010.
Keywords: Geoprocessamento
HRC
CBERS
Geoprocessing
Riparian forest.
Description: A forma inadequada do uso e ocupação do solo tem causado impactos nos ecossistemas fluviais e aquáticos do Brasil, sobretudo por conta da degradação das matas ciliares. A legislação ambiental determina a obrigatoriedade de Áreas de Preservação Permanente (APPs) ao longo de rios e nascentes, o que nem sempre é respeitado. Diante disso, foi conduzido um estudo na bacia do rio Salobra, afluente do rio Miranda, localizado na região sudoeste do Estado de Mato Grosso do Sul, com o objetivo de verificar a adequação das áreas de APPs fluviais em relação à legislação ambiental. A partir do uso de um Sistema de Informações Geográficas e imagens de satélite, foram criadas faixas ou buffers, indicando a faixa obrigatória de existência de matas ciliares, segundo a legislação ambiental vigente. A largura da faixa obrigatória foi determinada de acordo com a largura dos rios, estimada a partir de imagens HRC/CBERS-2B, com resolução espacial de 2,5 metros. Em seguida, foram realizados os cruzamentos entre as áreas obrigatórias e o mapeamento das formações vegetais da bacia, obtendo-se assim a delimitação das áreas em acordo ou desacordo em relação a legislação ambiental. Os resultados indicaram que 992 ha, ou 14% do total de áreas que deveriam estar cobertas por matas ciliares, estão em desacordo com a legislação ambiental. A metodologia proposta mostrou potencial como ferramenta auxiliar nas atividades de fiscalização e licenciamento ambiental.
Thesagro: Mata Ciliar.
Data Created: 2010-10-26
ISBN: 978-85-60424-05-4
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CNPTIA)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
p229.pdf3,13 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace