Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/874293
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Caprinos e Ovinos - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Date Issued: 2010
Type of Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Authors: SANTIAGO, L. B.
ALVES, F. S. F.
PINHEIRO, R. R.
SANTOS, V. W. S. dos
RODRIGUES, A. S.
CHAPAVAL, L.
BRITO, I. F. de
SOUSA, F. G. C. de
Additional Information: L.B. Santiago, Pós-graduanda Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA), Sobral, CE; FRANCISCO SELMO FERNANDES ALVES, CNPC; RAYMUNDO RIZALDO PINHEIRO, CNPC; V.W.S. dos Santos, UVA, Sobral, CE; A.S. Rodrigues, Instituto Superior de Teologia Aplicada, Sobral, CE.; LEA CHAPAVAL, CPPSE; I.F. de Brito, UVA, Sobral, CE; F.G.C. de Sousa, Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Areia, PB.
Title: Avaliação in vitro da sensibilidade da Corynebacterium pseudotuberculosis frente a diferentes tipos de antissépticos e desinfetantes e determinação de sua curva de crescimento.
Publisher: Arquivos do Instituto Biológico, v. 77, n. 4, p. 593-600, out./dez. 2010.
Language: pt_BR
Keywords: Antibiograma
Viable cells.
Animal deseases
Antibiogram
Bactericidal
Células viáveis
Treatment
Description: O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito in vitro de antissépticos e desinfetantes contra a Corynebacterium pseudotuberculosis e descrever a curva de crescimento deste micro-organismo em caldo de infusão de cérebro e coração adicionado de 0,1% de Tween 80 (BHI + T), ao longo de 48 horas. Foram avaliados tintura de iodo a 10%, hipoclorito de sódio a 2,5%, permanganato de potássio a 5%, sabonete líquido antisséptico Aseptol® e álcool etílico absoluto (99,8%), por meio da metodologia da disco-difusão. Um swab estéril foi imerso na suspensão bacteriana produzida e semeado em placa de ágar Mueller-Hinton. Discos estéreis foram embebidos em cada solução a ser testada e distribuídos na superfície do ágar. Os resultados foram obtidos de acordo com o diâmetro do halo produzido ao redor dos discos. Para obtenção da curva de crescimento, colônias isoladas do micro-organismo foram inoculadas em frasco contendo BHI + T. A cada quatro horas, 2 mL eram retirados para medição da massa celular em espectrofotômetro e 1 mL para realização das diluições seriadas, plaqueamento em ágar sangue e contagem de células viáveis. Observou-se que, para a obtenção de uma concentração máxima de C. pseudotuberculosis, próxima a 1.200 x 105 células viáveis/mL, deve-se manter o inóculo sob incubação adequada por um período de 28 a 40 horas. Quanto à prova de sensibilidade, verificou-se que a tintura de iodo a 10%, seguida pelo hipoclorito de sódio a 2,5% e permanganato de potássio a 5%, foram os antissépticos e desinfetantes com maior poder bactericida in vitro contra a C. pseudotuberculosis.
Thesagro: Caprino
Ovino
Doença animal
Linfadenite caseosa
Corynebacterium pseudotuberculosis
Tratamento
Bactericida
NAL Thesaurus: Caseous lymphadenitis.
Data Created: 2011-01-25
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CNPC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
APAvaliacao.pdf279,57 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace