Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/880180
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorSOUZA FILHO, A. P. da S.pt_BR
dc.contributor.authorCUNHA, R. L.pt_BR
dc.contributor.authorVASCONCELOS, M. A. M. dept_BR
dc.contributor.otherANTONIO PEDRO DA SILVA SOUZA FILHO, CPATU; ROBERTO LISBOA CUNHA, CPATU; MARCUS ARTHUR MARCAL DE VASCONCELOS, CPATU.pt_BR
dc.date.accessioned2011-04-10T11:11:11Zpt_BR
dc.date.available2011-04-10T11:11:11Zpt_BR
dc.date.created2011-03-04pt_BR
dc.date.issued2009pt_BR
dc.identifier.other43762pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/880180pt_BR
dc.descriptionEste trabalho tem por objetivo caracterizar a atividade inibitória do óleo de Nim (Azadirachta indica A. Juss.) e analisar, comparativamente, seus efeitos. O óleo obtido foi preparado em concentrações de 0,5, 1,0, 1,5 e 3,0%, tendo como eluente o éter metílico, e testados sobre a germinação de sementes, desenvolvimento da radícula e do hipocótilo das plantas daninhas de área de pastagens cultivadas, malícia (Mimosa pudica) e mata-pasto (Senna obtusifolia). O óleo da espécie estudada evidenciou atividade inibitória em intensidades que variaram em função da concentração do óleo, da planta receptora e do fator da planta analisado. O efeito promovido sobre a germinação de sementes e o desenvolvimento do hipocótilo indicou tendência linear, enquanto para o desenvolvimento da radícula observou-se tendência quadrática. A germinação das sementes e desenvolvimento da radícula foram os fatores mais intensamente inibidos pelo óleo. As intensidades das inibições estiveram positivamente associadas à concentração, com inibições máximas verificadas a 3,0%. Comparativamente, mata pasto foi a espécie receptora mais sensível aos efeitos do óleo de Nim, notadamente em relação à germinação de sementes e desenvolvimento de hipocótilo quando, nessa ordem, diferenças de até 52 e 80% foram registradas.pt_BR
dc.description.uribitstream/item/29175/1/EfeitoInibitorioOleo.pdfpt_BR
dc.languagept_BRpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherRevista de Ciências Agrárias, Belém, PA, n. 52, p. 79-86, jul./dez. 2009.pt_BR
dc.relation.ispartofEmbrapa Amazônia Oriental - Artigo em periódico indexado (ALICE)pt_BR
dc.rightsopenAccesspt_BR
dc.subjectAmargosa.pt_BR
dc.titleEfeito inibitório do óleo de Azadirachta indica A. Juss. sobre plantas daninhas.pt_BR
dc.typeArtigo em periódico indexado (ALICE)pt_BR
dc.date.updated2015-04-01T11:11:11Zpt_BR
dc.subject.thesagroAlelopatiapt_BR
dc.subject.thesagroGerminaçãopt_BR
dc.subject.thesagroNim.pt_BR
dc.ainfo.id880180pt_BR
dc.ainfo.lastupdate2015-04-01pt_BR
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CPATU)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
EfeitoInibitorioOleo.pdf195,68 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace