Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/900527
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Caprinos e Ovinos - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 15-Set-2011
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: COUTINHO, R. M. A.
LUIZ JÚNIOR, A.
SILVA, F. C.
BENVENUTI, C. L.
VIEIRA, L. da S.
ZAROS, L. G.
Informaçães Adicionais: Renata Maria Alves Coutinho, Pós-graduanda UFRN. Bolsista CAPES; Alberto Luiz Júnior, Pós-graduando UFRN. Bolsista CNPQ.; Fernanda Cavalcante Silva, Pós-graduando UFRN, Macaíba, RN.; Camila Loures Benvenuti, Pós-graduanda Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA - Sobral, CE.; LUIZ DA SILVA VIEIRA, CNPC; Lilian Giotto Zaros, UFRN, Natal, RN.
Título: Correlação entre volume globular e Famacha em caprinos pertencentes ao quarto lote de animais resistentes e susceptíveis a Haemonchus contortus.
Edição: 2011
Fonte/Imprenta: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 48., 2011, Belém. O desenvolvimento da produção animal e a responsabilidade frente a novos desafios: anais. Belém: SBZ, 2011. 3 f. 1 CD-ROM.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Volume globular
Método Famacha
Goat.
Nematoide gastrintestinal
Conteúdo: Resumo: O objetivo deste trabalho foi correlacionar o volume globular com a coloração da mucosa ocular verificada pelo método Famacha de controle da verminose em caprinos pertencentes ao quarto lote de animais com diferentes graus de resistência na região semi-árida do Nordeste brasileiro. Baseados na contagem de ovos por grama de fezes (OPG), caprinos jovens F2 (½ sangue Anglo-nubiana x ½ sangue Saanen) foram classificados em resistentes (n=12) e susceptíveis (n=12) a Haemonchus contortus. Semanalmente observou-se a coloração da mucosa ocular e foi realizada a coleta de sangue para a determinação do volume globular. Para as análises de correlação entre VG e Famacha, foram considerados os valores de VG≤19%, VG≤22% e VG≤27% e dos graus Famacha 3, 4 e 5 como ponto de corte. O ponto de corte de VG19 não foi adequado para avaliar a correlação entre a coloração da mucosa ocular e o Famacha, sendo que o valor de VG22 apresentou maior sensibilidade, portanto mais adequado para esta espécie. Correlation between packed cell volume and Famacha in goats belonging to fourth batch from resistant and susceptible animals to Haemonchus contortus Abstract: The aim of this study was to correlate the packed cell volume with Famacha method to endoparasites control in goats with different degrees of resistance in semi-arid region of the Northeast of Brazil. Based on EPG (eggs per gram) counts, young goats F2 (½ blood Anglo-Nubian x Saanen ½ blood) were classified as resistant (n=12) and susceptible (n=12) to Haemonchus contortus infections. Weekly, the color of ocular mucosal was observed according to Famacha method and blood was was collected to determine the packed cell volume. For correlation analysis between packed cell volume and Famacha were considered values of VG?19%, VG?22% and VG?27% and The VG19 it was not an ideal parameter to evaluated the correlation between the color of ocular mucosa and Famacha, whereas the VG22 was the most sensible, being the best value to be used as cutoff in goats F2.
Thesagro: Caprino
Doença animal
Resistência
Haemonchus contortus.
NAL Thesaurus: Gastrointestinal nematodes
Animal parasitic nematodes.
Ano de Publicação: 2011
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CNPC)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
AACCorrelacao.pdf253,35 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace