Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/905755
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Uva e Vinho - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Date Issued: 2011
Type of Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Authors: PELIZZA, T. R.
DAMIANI, C. R.
RUFATO, A. de R.
AFFONSO, L. B.
HAWERROTH, F. J.
SCHUCH, M. W.
Additional Information: TÂNIA REGINA PELIZZA, UDESC; CLAUDIA ROBERTA DAMIANI, UFGD; ANDREA DE ROSSI RUFATO, CNPUV; LUANA BORGES AFFONSO, UFPEL; FERNANDO JOSE HAWERROTH, CNPAT; MÁRCIA WULFF SCHUCH, UFPEL.
Title: Aclimatização e crescimento de plântulas de mirtileiro 'climax' micropropagadas em função do substrato e da cobertura plástica.
Publisher: Revista Brasileira de Fruticultura, Jaboticabal, v. 33, n. 3, p. 898-905, set. 2011.
Language: pt_BR
Keywords: Casa de vegetação
Cultura de tecidos
Cobertura plástica
Substrato
Description: Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar a aclimatização e o crescimento de plântulas micropropagadas de mirtileiro (Vaccinium ashei) cv. Climax, em função do substrato e da cobertura plástica, durante os meses de abril a dezembro de 2008. Foram utilizados três substratos (casca de arroz carbonizada + Húmus Fértil®, Plantmax® + vermiculita e solo + serragem jovem de Pínus) e dois sistemas de cobertura (com e sem cobertura plástica sobre as plântulas). As plântulas, acondicionadas em sacos plásticos com os respectivos substratos e sistemas de cobertura, permaneceram em casa de vegetação com temperatura controlada, por 30 dias. Após, permaneceram por 60 dias sem controle ambiental e, em seguida, foram transferidas para telado. A partir de 30 dias, foram avaliados a percentagem de sobrevivência e o incremento de altura das plântulas. Ao término do experimento, foi avaliada a massa fresca e seca da parte aérea e da raiz das plântulas. A percentagem de sobrevivência das plântulas de mirtileiro em substrato Plantmax® + vermiculita é igual quando utilizada ou não a cobertura plástica. O uso da cobertura plástica não foi eficiente para incrementar a altura média das plântulas nos substratos Plantmax® + vermiculita e solo + serragem jovem. A maior massa seca de parte aérea foi obtida com o uso de Plantmax® + vermiculita sem cobertura plástica sobre as plântulas. Plantmax® + vermiculita com e sem cobertura plástica proporcionam maior massa seca radicular que os demais substratos e respectivos sistemas de cobertura, porém Plantmax® + vermiculita sem cobertura plástica é superior a Plantmax® + vermiculita com cobertura plástica. De acordo com os resultados obtidos, conclui-se que o melhor substrato e sistema de cobertura para a aclimatização e o crescimento de plântulas de mirtileiro ?Climax? são Plantmax® + vermiculita sem cobertura plástica.
Thesagro: Fruticultura
Mirtilo
Propagação vegetativa
Micropropagação
Data Created: 2011-11-11
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CNPUV)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
aop08411.pdf243,76 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace