Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/921454
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Soja - Resumo em anais de congresso (ALICE)
Issue Date: 2010
Type of Material: Resumo em anais de congresso (ALICE)
Authors: VOLL, E.
KRZYZANOWSKI, F. C.
GAZZIERO, D. L. P.
ADEGAS, F. S.
Additional Information: ELEMAR VOLL, CNPSO; FRANCISCO CARLOS KRZYZANOWSKI, CNPSO; DIONISIO LUIZ PISA GAZZIERO, CNPSO; FERNANDO STORNIOLO ADEGAS, CNPSO.
Title: Alelopatia do ácido aconítico sobre soja e teores de lignina.
Publisher: In: REUNIÃO DE PESQUISA DE SOJA DA REGIÃO SUL, 38., Cruz Alta. Estratégias para altos rendimentos em soja e semeadura antecipada e cultivares precoces: tendências, riscos e vantagens: atas e resumos. Cruz Alta: FUNDACEP FECOTRIGO, 2010. p. 129. 1 CD-ROM.
Language: pt_BR
Keywords: Plantas daninhas
Description: Condições de cultivo de soja ocorrem por ocasião da renovação dos canaviais, onde ocorre a exsudação de ácido aconítico (AA) pelas raízes da cana, bem como as lavouras recebem aplicações de vinhaça. Esta é um efluente poluente, advindo de destilarias de álcool, no qual ocorre o AA, um componente com atividade alelopática sobre espécies de plantas daninhas. Um experimento foi instalado com o objetivo de determinar os seus efeitos alelopáticos sobre 15 cultivares de soja, em que foram determinadas as porcentagens de lignina do tegumento das sementes, variando entre 0,56% e 7,0%. O experimento foi conduzido em meio de cultura de Agar, em condições controladas de laboratório. Tratamentos com doses de 2,5 mM de AA foram estabelecidos em relação à testemunha sem AA, para todas as cultivares de soja. Os dados indicaram comportamentos inibitórios do AA para as cultivares. De modo geral, não foram significativos para a variável germinação, exceto para a cv. V-MAX RR (2,33%). Quatro cultivares de soja tiveram o comprimento do caule inibido, tendo variações de teores de lignina entre 1,65% e 7,0%. Oito cultivares de soja tiveram o comprimento das raízes inibidas, sendo, de modo geral, a variável mais afetada, envolvendo qualquer teor de lignina. A possibilidade de ocorrer um estímulo da atividade predatória de fungos de solo sobre as sementes foi observada apenas sobre a cv de soja BR02 03841 (2,60%), a qual já apresentavava alto grau de infestação na ausência de AA. A média das cultivares apresentou efeitos inibitórios de AA sobre comprimento do caule e raízes das cultivares de soja, não importando os níveis de lignina encontrados nos seus tegumentos.
Year: 2012-04-03
Appears in Collections:Resumo em anais de congresso (CNPSO)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
alelopatia.rpsrsul2010.pdf12,98 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace