Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/940483
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Soja - Resumo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2012
Type of Material: Resumo em anais de congresso (ALICE)
Authors: FRUGERI, A. P.
BARBOSA, G. C.
BORTOLOTTO, O. C.
SILVA, G. V.
SIQUEIRA, F.
BUENO, A. de F.
Additional Information: ANA P. FRUGERI, FAFICP; GUSTAVO C. BARBOSA, UNIFIL; ORCIAL C. BORTOLOTTO, UFPR; GABRIELA V. SILVA, UFPR; FÁBIO SIQUEIRA, FESURV; ADENEY DE FREITAS BUENO, CNPSO.
Title: O aquecimento global e o Euchistus heros (Fabricius) (Hemiptera: Pentatomidae)
Publisher: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ENTOMOLOGIA, 24., 2012, Curitiba. SEB-40 anos de avanços da Ciência Entomológica Brasileira: anais. [Curitiba]: SEB, 2012. Disponível em: <http://www.cbe2012.com.br/_apps/anais_web/trabalhos_selecionar.php>.
Language: pt_BR
Keywords: Percevejo-marrom
Description: O presente estudo objetivou avaliar o aumento da temperatura sobre os aspectos biológicos de Euschistus heros. Foram utilizadas seis temperaturas constantes (19ºC, 22ºC, 25ºC, 28ºC, 31ºC e 34ºC) e quatro temperaturas flutuantes (diurna/noturna) (25/21ºC, 28/24ºC, 31/27ºC, 34/30ºC). Cada temperatura teve seis repetições de 20 indivíduos/cada. A avaliação do estádio ninfal foi diária, até os insetos atingirem a fase adulta, quando foi avaliado o peso (g) e a largura do pronoto (mm) dos indivíduos. Após a formação de casais, realizou-se a coleta de ovos para estudar a viabilidade. Verificou-se que o aumento da temperatura ocasionou a redução da duração dos estádios ninfais de E. heros. Nas temperaturas constantes, a fase ninfal variou de 64,85 ± 2,08 (19°C) a 13,24 ± 0,08 (34°C) dias. A menor temperatura constante (19°C), além de prolongar o estádio ninfal do inseto, elevou o índice de mortalidade. A temperatura constante do extremo superior (34°C) não influenciou a viabilidade ninfal de E. heros, porém, reduziu a longevidade dos indivíduos adultos, que viveram menos de 10 dias. Nas temperaturas flutuantes, a viabilidade ninfal não diferiu entre os tratamentos, no entanto, todas foram superiores em relação à constante de 19°C. O peso do adulto foi menor nas temperaturas extremas (19 e 34°C), demonstrando que essas temperaturas são desfavoráveis para o desenvolvimento do inseto. Embora o índice de mortalidade a 34°C não tenha diferido das demais temperaturas, exceto o 19°C, o fato de os percevejos acelerarem a fase ninfal prejudicou o desenvolvimento dos indivíduos nessa temperatura. Este trabalho demonstrou que o aumento da temperatura, a partir de 22ºC até o limite de 28°C, favorece a biologia de E. heros. Nas temperaturas extremas, de 19 e 34°C os insetos apresentam o desenvolvimento prejudicado, com perda de peso e elevado índice de mortalidade.
Data Created: 2012-11-26
Appears in Collections:Resumo em anais de congresso (CNPSO)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
51.pdf10,42 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace