Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/953280
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Meio-Norte - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2012
Type of Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Authors: SOUSA, M. B. e
PIRES, C. de J.
SILVA, J. D. L. da
LIMA, L. R. L.
LOPES, A. C. de A.
SILVA, K. J. D. e
ROCHA, M. de M.
NEVES, A. C. das
Additional Information: MASSAINE BANDEIRA E SOUSA, UFPI; CAROLLINE DE JESÚS PIRES, UFPI; JÉSSICA DANIELE LUSTOSA DA SILVA, UFPI; LAÍZE RAPHAELLE LEMOS LIMA, UFPI; ANGELA CELIS DE ALMEIDA LOPES, UFPI; KAESEL JACKSON DAMASCENO E SILVA, CPAMN; MAURISRAEL DE MOURA ROCHA, CPAMN; ADAO CABRAL DAS NEVES, CPAMN.
Title: Divergência genética entre genótipos elite de feijão-caupi a partir de análises multivariadas.
Publisher: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE RECURSOS GENÉTICOS, 2., 2012, Belém, PA. Anais... Brasília, DF: Sociedade Brasileira de Recursos Genéticos, 2012.
Pages: 5 p.
Language: pt_BR
Keywords: Feijão-caupi
Variáveis quantitativas
Variabilidade genética
Description: O feijão-caupi (Vigna unguiculata (L.) Walp) é uma leguminosa cultivada de ampla adaptação nas regiões Nordeste e Norte do Brasil, sendo uma fonte geradora de emprego e renda. O cultivo de feijão-caupi nos últimos anos vem adquirindo maior expressão econômica. Assim, objetivou-se realizar a caracterização morfoagronômica para analisar a divergência genética de 40 genótipos de feijão-caupi. O ensaio foi conduzido na Embrapa Meio-Norte, Teresina, Piauí, utilizando-se o delineamento experimental blocos casualizados, com duas repetições, semeado em julho de 2011. Foram analisados seis dados quantitativos: comprimento da vagem, peso da vagem, número de grãos por vagem, peso de grãos por vagem, peso de 100 grãos e produção total. Os caracteres que mais contribuíram para a divergência genética foram o peso de 100 grãos (37,95 %), comprimento de vagem (19,48 %) e peso de vagem (18,11 %). Os valores máximos e mínimos de divergência genética foram calculados com base na distância de Mahalanobis, (D2 = 279,08) foi obtido entre as cultivares BRS17-Gurguéia e BRS-Itaim e (D2 = 1,35) entre a cultivar BRS-Juruá e a linhagem MNCO3-737F-5-11, respectivamente. Os resultados evidenciaram a presença de variabilidade genética entre os genótipos.
Data Created: 2013-03-18
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CPAMN)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
4691.pdf382,47 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace